Prometo Olvidarte

Tony Dize

Original Tradução Original e tradução
Prometo Olvidarte

Prometo olvidarte
Aunque en el fondo no lo quiera
Saldré adelante a mi manera
Estaré a salvo en otra parte
Sin tu amor

Si al necesitarte
Descubro que soy débil, no puedo
Llamarte aunque se me caiga el suelo
Duele quererte
Hoy que estas ya tan lejos
Fingír fue perfecto, pero

Aunque me hiere
Aunque en mi cielo no hay sol y solo llueve
Lo que hace tiempo se perdió a veces duele
Nos toca aceptar que el tiempo vuele
Por mas que intentes
Tarde o temprano muere

No dejaré que tu amor vuelva y me deje
Lo que hace tiempo se perdió a veces duele
Nos toca aceptar que el tiempo vuele
Mi amor, adiós goodbye

Me hizo daño amarte
Viviendo solo a tu manera
Yo te entregué la vida entera
Y ahora me toca dejarte

Querer olvidarte
Verte en cualquier parte
Aunque estoy pretendiendo
Para no recordarme
Como tú eras antes

Duele extrañarte
Donde existe el dolor
Puede el amor refugiarse
Diciendo adiós

Aunque en mi cielo no hay sol y solo llueve
Lo que hace tiempo se perdió a veces duele
Nos toca aceptar que el tiempo vuele
Por mas que intentes
Tarde o temprano muere

No dejaré que tu amor vuelva y me deje
Lo que hace tiempo se perdió a veces duele
Nos toca aceptar que el tiempo vuele
Mi amor, adiós goodbye

No volveré a llamarte
Si te vas, te vas
Y me ves por última vez
Cuando despiertes vacía en tu soledad
Yo no estaré

Aunque me hiere
Aunque en mi cielo no hay sol y solo llueve
Lo que hace tiempo se perdió a veces duele
Nos toca aceptar que el tiempo vuele
Por mas que intentes
Tarde o temprano muere

No dejaré que tu amor vuelva y me deje
Lo que hace tiempo se perdió a veces duele
Nos toca aceptar que el tiempo vuele
Mi amor, adiós goodbye

Prometo Te Esquecer

Prometo te esquecer
Embora, no fundo, eu não queira
Seguirei em frente à minha maneira
Estarei a salvo em outro lugar
Sem o seu amor

Se ao precisar de você
Descubro que sou fraco e não posso
Te chamar sem que eu caia no chão
Dói te querer
Hoje você já está tão longe
Fingir foi perfeito, mas

Embora me fira
Embora que em meu céu não haja sol e só chova
O que faz tempo se perdeu, às vezes dói
Nos resta aceitar que o tempo voa
Por mais que você tente
Cedo ou tarde morre

Não deixarei que o seu amor volte e me deixe
O que faz tempo, se perdeu, às vezes dói
Nos resta aceitar que o tempo voa
Meu amor, adeus adeus

Me machucou te amar
Vivendo só do seu jeito
Eu te entreguei a vida inteira
E agora me toca te deixar

Quer te esquecer
Te ver em qualquer lugar
Embora esteja fingindo
Para não me lembrar
Como você era antes

Dói te perder
Onde há dor
O amor pode se refugiar
Dizendo adeus

Embora em meu céu não haja sol e somente chova
O que faz tempo se perdeu, as vezes dói
Nos resta aceitar que o tempo voa
Por mais que você tente
Cedo ou tarde morre

Não deixarei que seu amor volte e me deixe
O que faz tempo se perdeu às vezes dói
nos resta aceitar que o tempo voa
Meu amor, adeus adeus

Não voltarei a te chamar
Se você for, você for
E me vir pela última vez
Quando acordar vazia em sua solidão
Eu não estarei

Embora me machuque
Embora no meu céu não haja sol apenas chova
O que você faz tempo se perdeu às vezes dói
Nos resta aceitar que o tempo voa
Por mais que você tente
Cedo ou tarde morre

Não deixarei que seu amor volte e me deixe
O que faz tempo se perdeu às vezes dói
Nos resta aceitar que o tempo voa
Meu amor, adeu adeus

Enviada por Barbara e traduzida por Gabi.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog