Cold Loud Dark

The Classic Crime

Original Tradução Original e tradução
Cold Loud Dark

I don't know, I don't know
I don't know anything at all
The older I get, the more I know that
It's not enough to wish and hope
We must make maps beyond the wall
It's pulling me out and I can't go back

I am a shadow, I'm a liar, I'm a lesson never learned
I am a coward, but I'll buy a second chance I never earned

I got this feeling like I'm starting again
Nothing but smoke in my hands
I got no hope in my head, no
Without believing in the black and the white
I got no reason to fight
Except the need for survival

I don't know, I don't know
I don't know, I don't know
I never left that stop me anyway
Where it's too dark to see
Too cold to breathe, too loud to think
That's where I find my way

I am a shadow, I'm a liar, I'm a lesson learned
I am a coward, but I'll buy a second chance I've earned

I got this feeling like I'm starting again
Nothing but smoke in my hands
I got no hope in my head, no
Without believing in the black and the white
I got no reason to fight
Except the need for survival

It's in the deep where the fight is instinctive
Out of the fold there are fires to find
It's in the cold, loud, dark and delinquent
It's in the storm at the end of the line

It's in the deep where the fight is instinctive
Out of the fold there are fires to find
It's in the cold, loud, dark and delinquent
It's in the storm at the end of the line

I got this feeling like I'm starting again
Nothing but smoke in my hands
I got no hope in my head, no
Without believing in the black and the white
I got no reason to fight
Except the need for survival

Frio Alto Escuro

Não sei, não sei
Eu não sei de nada
Quanto mais velho fico, mais eu sei que
Não é suficiente desejar e esperar
Devemos fazer mapas além da parede
Isso está me puxando para fora e eu não posso voltar

Eu sou uma sombra, sou um mentiroso, sou uma lição que nunca aprendi
Eu sou um covarde, mas vou comprar uma segunda chance que nunca mereci

Eu tenho essa sensação de que estou começando de novo
Nada além de fumaça em minhas mãos
Eu não tenho esperança na minha cabeça, não
Sem acreditar no preto e no branco
Eu não tenho razão para lutar
Exceto a necessidade de sobrevivência

Não sei, não sei
Não sei, não sei
Eu nunca deixei isso me parar, de qualquer maneira
Onde está muito escuro para ver
Muito frio para respirar, muito alto para pensar
É onde eu encontro meu caminho

Eu sou uma sombra, sou um mentiroso, sou uma lição aprendida
Eu sou um covarde, mas vou comprar uma segunda chance que mereci

Eu tenho essa sensação de que estou começando de novo
Nada além de fumaça em minhas mãos
Eu não tenho esperança na minha cabeça, não
Sem acreditar no preto e no branco
Eu não tenho razão para lutar
Exceto a necessidade de sobrevivência

É nas profundezas onde a luta é instintiva
Fora da dobra, há fogos para encontrar
Está no frio, alto, escuro e delinquente
Está na tempestade no final da linha

É nas profundezas onde a luta é instintiva
Fora da dobra, há fogos para encontrar
Está no frio, alto, escuro e delinquente
Está na tempestade no final da linha

Eu tenho essa sensação de que estou começando de novo
Nada além de fumaça em minhas mãos
Eu não tenho esperança na minha cabeça, não
Sem acreditar no preto e no branco
Eu não tenho razão para lutar
Exceto a necessidade de sobrevivência

Composição: Matthew James MacDonald
Enviada por Madelene e traduzida por Madelene.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de The Classic Crime

Ver todas as músicas de The Classic Crime