Ruler Of Everything

Tally Hall

Original Tradução Original e tradução
Ruler Of Everything

Juno was mad, he knew he'd been had
So he shot at the sun with a gun
Shot at the sun with a gun
Shot at his wily one only friend

In the gallows or the ghetto (ahh)
In the town or the meadow
In the billows, even over the sun (ahh)
Every end of the time is another begun

You understand mechanical hands
Are the ruler of everything (ah)
The ruler of everything (ah)
I'm the ruler of everything in the end

(! Dnuora gnipmuj s'eh, mih ta kool, tibbarkcaj a s'eh, tibbarkcaj a s'eH
Oh-oh-oh-oh-ohO)

Do you like how I dance? I've got zirconium pants
(Consequential enough to slip you into a trance)
Do you like how I walk? Do you like how I talk?
(Do you like how my face disintegrates into chalk?)
I have a wonderful wife, I have a powerful job
She criticizes me for being egocentric (Ha-ha-ha-ha)
(You practice your mannerisms into the wall)
If this mirror were clearer I'd be standing so tall
(I saw you slobber over clovers on the side of the hill)
I was observing the birds (circling for the kill)
I've been you, I know you, your facade is a scam
You know you're making me cry, this is the way that I am
I've been living a lie, a metamorphical scheme
Detective undercover, brotherhood, objective, obscene
Oh, no, no, oh, yeah

Do you hear the flibbity jibbity jibber jabber
With an: Oh my God I've got to get out of here or I'll have another
Word to sell, another story to tell
Another time piece ringing the bell
Do you hear the clock stop when you reach the end?
No, you know it must be neverending, comprehend if you can
But when you try to pretend to understand
You resemble a fool although you're only a man
So give it up and smile
Do you hear the flibbity jibbity jibber jabber
With an: Oh my God I've got to get out of here or I'll have another
Word to sell, another story to tell
Another time piece ringing the bell
Do you hear the clock stop when you reach the end?
No, you know it must be neverending, comprehend if you can
But when you try to pretend to understand
You resemble a fool although you're only a man
So give it up and smile (smile, smile, smile)

You understand mechanical hands
Are the ruler of everything (ah)
The ruler of everything (ah)
I'm the ruler of everything in the end

Without looking down, gliding around
Like a bumbling dragon I fly
Scraping my face on the sky
Oh, no, no, oh, yeah

Governante de Tudo

Juno era louco, e ele sabia
Então atirou no Sol com uma arma
Atirou no Sol com uma arma
Atirou no seu único, astuto amigo

Na forca ou no gueto (ahh)
Na cidade ou no campo
Nas ondas, mesmo sobre o Sol (ahh)
Cada fim de um tempo, é outro começo

Você entende, mãos mecânicas
São os donos de tudo (ah)
O dono de tudo (ah)
Eu sou o dono de tudo no final

(! Odnalup átse ele, ele arap ehlo, erbel amu é ele, erbel amu é elE
Oh-oh-oh-oh-ohO)

Você gosta de como danço? Tenho calças de zircônio
(Consequente o suficiente para te colocar em transe)
Gosta de como ando? Gosta de como falo?
(Você gosta de como meu rosto se desintegra em giz?)
Tenho uma maravilhosa esposa, tenho um poderoso trabalho
Ela me critica por ser egocêntrico (Ha-ha-ha-ha)
(Você pratica seus maneirismos em uma parede)
Se esse espelho fosse correto, eu estaria tão alto
(Vi você babando sobre trevos na colina)
Eu estava observando os pássaros (circulo a morte)
Eu fui você, conheço você, sua fachada é uma farsa
Você está me fazendo chorar, este é o jeito que sou
Tenho vivido uma mentira, um esquema metamórfico
Detetive disfarçado, irmandade, objetivo, obsceno
Oh, não, não, oh, sim

Você ouve o disse me disse
Com um: Ah meu Deus, tenho que sair daqui ou vou ter outra
Palavra para vender, outra história para contar
Outra peça do tempo tocando a campainha
Você ouve o relógio parar quando você chega ao fim?
Não, você sabe que deve ser sem fim, compreenda se puder
Mas quando você tenta fingir entender
Você se parece com um tolo, embora seja apenas um homem
Então desista e sorria
Você ouve o disse me disse
Com um: Ah meu Deus, tenho que sair daqui ou vou ter outra
Palavra para vender, outra história para contar
Outra peça do tempo tocando a campainha
Você ouve o relógio parar quando você chega ao fim?
Não, você sabe que deve ser sem fim, compreenda se puder
Mas quando você tenta fingir entender
Você se parece com um tolo, embora seja apenas um homem
Então desista e sorria (sorria, sorria, sorria)

Você entende, mãos mecânicas
São os donos de tudo (ah)
O dono de tudo (ah)
Eu sou o dono de tudo no final

Sem olhar para baixo, planando por aí
Como um dragão bobalhão, eu voo
Com meu rosto no céu
Oh, não, não, oh, sim

Composição: Joe Hawley
Enviada por Érika e traduzida por . Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Tally Hall

Ver todas as músicas de Tally Hall