LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Monkey Business

Skid Row

Monkey Business

Outside my window there's a
Whole lot of trouble comin'
The cartoon killers and the
Rag cover clones
Stack heals kickin' rhythm
Of social circumcision
Can't close the closet on a
Shoe box full of bones

Kangaroo lady with her bourbon in a pouch
Can't afford the rental on a bamboo couch
Collecting back her favors 'cause her well is running dry
I know her act is terminal,
But she ain't gonna die

Slim intoxicado drinkin' dime store hooch
Is always in a circle with his part-time pooch
Little creepy's playing dollies on the New York rain
Thinkin' bowie's just a knife
Ooh the pain

I ain't seen the sun since I don't know when
The freaks come out at nine
And it's twenty to ten
What's this funk
That you ucall junk
To me it's just monkey business

Blind man in the box that will probably die
The village kids laugh as they waalk by
A psycho is on the edge of this human garbage dump
And the vultures in the sewers are telling
Him to jump

Into the fire from the frying pan
Tripping on his tongue
For a cool place to stand
Where's this shaade
That you've got it made
To me it's just monkey business

Monkey business
Slippin' on the track
Monkey business
Jungle in black
Ain't your business if I got
No monkey on my back

The vaseline gypsies and the silicone souls
Dressed to the society
Hypocrite heartbeat and cheap alibis
Can't get you by that monkey

Negócio Desonesto

Do lado de fora da minha janela
Há um bocado de problemas chegando
Os assassinos de quadrinhos e os
Clones vestido de trapos
Grande quantidade de cicatrizes num ritmo eletrizante
De circuncisão social
Não posso fechar o armário com uma
Caixa de sapatos cheia de ossos

Senhora canguru com seu bourbon numa bolsa
Não pode pagar o aluguel de um sofá de bambu
Cobrando seus favores 'porque seu "poço" está secando
Eu sei que sua atuação é terminal,
Mas ela não vai morrer por isso

Magrela intoxicada, tomando bebida barata
Está sempre em volta do seu 'cachorro de meio expediente'
Pequenos vermes fazendo zorra na chuva de Nova York
Pensando 'bowie é como uma faca'
Ooh o sofrimento

Não tenho visto o sol desde não sei quando
Os malucos (traficantes) saem às nove
E já são vinte pras dez
O que é esse medo
Do que voce chama de lixo (drogas)?
Pra mim são apenas negócios desonestos

Um homem cego numa caixa que vai provavelmente morrer
Os garotos da vila riem quando passam
Um psicopata está à beira desse depósito de lixo humano
E os abutres nos esgotos estão dizendo
Para ele pular

No fogo da frigideira
Tropeçando na sua língua
Por um lugar legal pra ficar
Onde está esta escuridão
Que você comprou pronta
Pra mim são apenas negócios desonestos

Negócios desonestos
Deslizando na pista
Negócios desonestos
Selva vestida de preto
Não é da sua conta se eu tenho
Algum vício

As prostitutas e as almas de silicone
Vestidas para a sociedade
Piscar de olhos hipócritas e álibis baratos
Não podem te comprar com aquele "macaco"

Composição: Dave The Snake Sabo / Rachel Bolan Essa informação está errada? Nos avise.
Legendado por Nina. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Skid Row

Ver todas as músicas de Skid Row