Me Chama Que Eu Vou

Sidney Magal

Seu corpo estremece e já não consegue parar
Seu Sol se espalha na pele fazendo suar
Seu ritmo é quente, bate que bate com emoção
Te abraço, te roço, te esfrego, te sujo então

A fruta é madura e da árvore não vai cair
A roupa lambuza de um jeito que é bom repetir
São cinco elementos apunhalando o coração
O fogo, a terra, a água, o ar e a paixão

Hey!
Ê, ô, ê, ô!
Ê, ô, ê, ô!
Ê, ô, ê, ô!
Ê, ô, ê, ô!
Me chama que eu vou!

Te sinto por dentro, te levo na palma da mão
Te toco no centro, te abro tesão
Brincando, bolindo, ardendo sem medo do prazer
Cara de Diabo, bunda de bebê

É mesmo um luxo, é lógico que é sensual
É um doce pecado melhor do que o original
São cinco elementos apunhalando o coração
O fogo, a terra, a água, o ar e a paixão

Hey!
Ê, ô, ê, ô!
Ê, ô, ê, ô!
Ê, ô, ê, ô!
Ê, ô, ê, ô!
Me chama que eu vou!

Composição: Torcuato Mariano / Claudio Rabello
Legendado por Jacques. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog