O que a vida me reserva
Tudo aquilo que acredito
Tantas flores que ainda virão
Tão poderosas flores

Olhe sempre pela janela
Mantenha os olhos sempre vivos
Essa força no seu coração
Sim, essa força

Velha fonte, nova era
Olho d'água do infinito
Cada gota de transformação
Não é só uma gota

Sob a rota do indivíduo
Questionamentos dessa esfera
Todas as cores estão dentro
É preciso confiar no tempo

E o que eu não entendo
Deixa o sol iluminar
Essa claridade
Vai nos levar de volta
Ao caminho da força
E do coração
Sim, essa força


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Saulo Duarte e a Unidade

Ver todas as músicas de Saulo Duarte e a Unidade