Amor de Piração

Saulo Duarte e a Unidade

Amor de piração é veneno
Amor de piração é veneno
Corre na veia solta
E quando já viu
Nem percebeu

Eu me lembrei de julio e seu olhar maneiro
Desci na barra funda pra te encontrar ligeiro
E nesse meio tempo ali no movimento
Eu vi você na multidão me procurar
E eu te encontrei

E agora meu amor o que seremos
Acaso, fruto e a flôr e então veremos
Que apesar da crise, do mal estar e do momento
Não podemos esquecer que ainda ha muito o que correr
E que sonhar acalma o peito e mas faz ver você sorrindo

Eu confesso que isso é muito mais interessante que qualquer outra coisa que me venha acontecer

E o sol amanhceu tranquilo
Eu te olhei de baixo do lençol
O dia veio e a manhã suave
Me fez ver que a cidade reflete o que agente dá

Eu dou amor e você o que que dá?
Eu dou amor e você?
Prefiro o amor e você o que que dá?
Prefiro o amor e você?


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Saulo Duarte e a Unidade

Ver todas as músicas de Saulo Duarte e a Unidade