Presos e Abertos

Rosa de Saron

Este é o som pros seus dias mais difíceis por aqui
Quando o peso dos seus erros não te deixa mais seguir
Sei que dói viver encarando as consequências de errar
E por mais que você tente se esquecer, tudo te faz lembrar

Quando se encontrar sem saída e a dor bater
Olhe para o amor, veja ele morrendo por você!

Olhe para os braços presos e abertos
Veja se é possível que um amor assim não queira te abraças
Você vale mais do que a soma dos estragos que causou
Quem te enxerga por inteiro, ali já te amou

Quando se encontrar sem saída e a dor bater
Olhe para o amor, veja ele morrendo por você!

Olhe para os braços presos e abertos
Veja se é possível que um amor assim não queira te abraçar
E até desista de escutar seu coração pedindo pra voltar

Quando se encontrar sem saída e a dor bater
Olhe para o amor, veja ele morrendo por você!

Olhe para os braços presos e abertos
Veja se é possível que um amor assim não queira te abraçar
E até desista de escutar seu coração pedindo pra voltar

Este é o som que dá à sua esperança um porquê
Os mesmos braços seguem abertos, esperando por você!

Composição: Bruno Faglioni
Enviada por Alex.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Rosa de Saron

Ver todas as músicas de Rosa de Saron