Amor Acidente (part. Liniker)

Rodrigo Alarcon

Jogados aqui
Dois corpos abraçados
Deitados machucados
Um amor-acidente
Todos param pra ver

Ninguém toca
Nem se mexe
Por medo de se dizer o que não se diz
Que morreu
Que esse amor não mais existe aqui
Faleceu
E da morte nasceu
Poesia e canção
E toda essa exposição
Ainda vai me matar de vez

Na frente de vocês
Deixo o meu
O meu amor-acidente sangrar
Ele vai sangrar
E todos vão saber que sofri por amar
E como amei
Ah, como eu amei
Como eu amei
Mulher, eu te amei

Jogados aqui
Dois corpos abraçados
Deitados machucados
Um amor-acidente
Todos param pra ver

Composição: Rodrigo Alarcon
Enviada por Rodrigo. Legendado por Isabel.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog