Lua

Roberta Sá

Prata linda
Vem brilhar
Por detrás do juazeiro
Ou da palmeira imperial
Seja em fole de sanfona
Ou som de orquestra armorial
Vem brilhar

És divina
Flor de luz.
Brilha toda a superfície
Faz o sóbrio enlouquecer
Todo ébrio é poeta
Quando olha pra você.
Vem brilhar, vem

És divina
Dia em que aparece no claro
Ainda que transparente
Esclarece suavemente
O que a maré quer
Lente na retina da imagem
De um sutil mover
Ao morrer no mar
Quer fecundar um dia por nascer

Composição: Mario Sève / Pedro Luis
Enviada por Victor. Legendado por Felipe. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog