Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Essa festança começa ao anoitecer
Quero ver o chão tremer, navegar nas emoções
Tá todo mundo envolvido na folia
E o som que contagia, é Rionegro & Solimões
Tá todo mundo envolvido na folia
E o som que contagia, é Rionegro & Solimões

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Esse é o som que vem do interior
Vem falando de amor e das coisas do sertão
Venha comigo, mande a tristeza embora
Jogue a paixão pra fora, diga adeus à solidão
Venha comigo, mande a tristeza embora
Jogue a paixão pra fora, diga adeus à solidão

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Essa festança começa ao anoitecer
Quero ver o chão tremer, navegar nas emoções
Tá todo mundo envolvido na folia
E o som que contagia, é Rionegro & Solimões
Tá todo mundo envolvido na folia
E o som que contagia, é Rionegro & Solimões

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Alô, galera, bate a mão e bate o pé
E bate o pé, e bate o pé

Composição: DERMES / Rionegro
Legendado por Bruno. Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog