Sayounara Arigatou

Rimi Natsukawa

Original Tradução Original e tradução
Sayounara Arigatou

Naitari shinai de ne
Kyou wa taisetsu na hi dakara
Chanto mite iyou ne
Kokoro no oto ga kieru made
Demo ne mou itsudemo aeru kara ne
Ureshii toki mo sabishii toki mo
Mune no oku sou shinjite nozomu naraba
Kono kaze ni tokete ano uta ni notte
Kidukeba anata wo tsutsunderu
Natsukashii nioi ga shitara
Itsumono you ni waratte ne
Ima sora ni mukete tada yasuraka ni
Habataku kono senaka wo goran yo
Migi no hane ni wa sayounara
Hidarigawa ni wa arigatou

Deau tabi anata wa
Yasashi sa hitotsu wakerun da yo
Wakare no tabi ni mata
Tsuyosa hitotsu moraun da yo
Demo ne zutto anata wa anata no mama yo
Tabidatsu asa mo tsumazuku yoru mo
Watashi no naka nemutteta ano hi no mama
Kono kaze ni tokete ano uta ni notte
Kidukeba anata wo mamotteru
Haru no ame ni natsu no kawa ni
Aki no ochiba ni fuyu no madobe ni
Ima sora ni mukete tada yasuraka ni
Habataku kono senaka wo goran yo
Migi no hane ni wa sayounara
Hidarigawa ni wa arigatou
Migi no hane ni wa sayounara
Hidarigawa ni wa arigatou

Sayounara Arigarou

Não é preciso chorar.
Porque hoje é um dia importante.
Então olhe atentamente
até que o som do seu coração feneça.
Porém, poderemos encontrar-nos a qualquer hora.
Estando feliz ou estando triste,
acredite, no fundo do seu peito, se é isso que deseja.
Aquela canção passeia pelo vento e se funde a ele,
e quando você se der conta, ele já terá envolvido você.
Quando sentir aquele perfume precioso,
você sorrirá como sempre.
Agora, quando você dirigir-se em paz para o céu,
olhe para trás e veja as suas asas.
Na asa direita, um adeus.
Na esquerda, obrigado.

Sempre que nos encontramos, você
é muito gentil na hora de partir.
Até quando vai embora,
você me deixa com uma nova força.
Porém, você sempre será você mesmo,
ao partir de manhã, ao aparecer de noite.
Quando eu dormir, guardarei dentro de mim o dia em que nos encontramos.
Aquela canção passeia pelo vento e se funde a ele,
e quando você se der conta, ele já estará protegendo você.
Na chuva da primavera, nos rios do verão,
nas folhas caídas do outono, na praia do inverno.
Agora, quando você dirigir-se em paz para o céu,
olhe para trás e veja as suas asas.
Na asa direita, um adeus.
Na esquerda, obrigado.
Na asa direita, um adeus.
Na esquerda, obrigado.

Enviada por Ernesto e traduzida por Paulo.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Rimi Natsukawa

Ver todas as músicas de Rimi Natsukawa