Não Rias

Ricardo Ribeiro

Não sei porque razão te quero tanto
E é louco por ti, meu coração
Não sei porque razão este meu pranto
Só riso te provoca, sem razão

Não rias meu amor
Da minha grande dor
Não rias, por favor, do meu
Sofrer
Tem cuidado comigo
Talvez p'ra teu castigo
A sorte à minha porta vá bater

Podes seguir na vida sem
Cuidado
E podes fazer juras, a
Mentir
Mas olha meu amor, estás
Enganado
Que a vida não é só levada a
Rir

Composição: Armando Machado / Ivete Pessoa
Enviada por Mário.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog