Aprenda inglês com a maior plataforma de letra de música da América Latina
Participar

Grandiose

Pomme

Original Tradução Original e tradução
Grandiose

Depuis que je n'ai pas le droit
Je veux un enfant dans le ventre
J'aurais surement dû taire parfois
L'envie si grande et menaçante
Depuis que mes amis me mentent
Qu'ils disent que je suis comme les autres
Je veux un enfant dans le ventre
Qu'on s'aime, qu'on ait une vie grandiose

Grandiose, la vie que j'avais inventé
Pour toi, la vie qu'on nous vend bien tracée
Une vie comme ça n'existe pas
Ah-ah, ah-ah

Depuis la première goutte de sang
Les bouches qui s'effleurent dans la cour
J'ai dit moi je veux un enfant
Avant de connaître l'amour
L'amour qui déborde de moi
Qui dit tu n'es pas comme les autres
Des filles prendront ton cœur à toi
Bats-toi, t'auras une vie grandiose

Grandiose, la vie que j'avais inventé
Pour toi, la vie qu'on nous vend bien tracée
Une vie comme ça n'existe pas
Ah-ah, ah-ah

Depuis que je n'ai pas le droit
Je veux un enfant dans le ventre
J'aurais surement dû taire parfois
L'envie si grande et menaçante
Depuis les cloches assourdissantes
Le gris de l'église de fond rose
Je veux un enfant dans le ventre
Qu'on s'aime, qu'on ait une vie grandiose

Grandiose, la vie que j'avais inventé
Pour toi, la vie qu'on nous vend bien tracée
Une vie comme ça n'existe pas
Ah-ah, ah-ah

Grandiosa

Já que eu não tenho o direito
Eu quero um filho no ventre
Às vezes eu deveria ter calado
O desejo tão grande e ameaçador
Já que meus amigos mentem pra mim
Dizendo que eu sou como todo mundo
Eu quero um filho no ventre
Que nos amemos, que tenhamos uma vida grandiosa

Grandiosa, a vida que eu tinha inventado
Pra você, a vida bem planejada que nos vendem
Uma vida assim não existe
Ah-ah, ah-ah

Desde a primeira gota de sangue
As bocas que se escovam no pátio
Eu disse para mim mesma: "eu quero um filho"
Antes de conhecer o amor
O amor que me transborda
E que diz "você não é como as outras"
As meninas te darão seu coração
Lute e você terá uma vida grandiosa

Grandiosa, a vida que eu tinha inventado
Pra você, a vida bem planejada que nos vendem
Uma vida assim não existe
Ah-ah, ah-ah

Já que eu não tenho o direito
Eu quero um filho no ventre
Às vezes eu deveria ter calado
O desejo tão grande e ameaçador
Desde os sinos ensurdecedores
Ao cinza da igreja de fundo rosa
Eu quero um filho no ventre
Que nos amemos, que tenhamos uma vida grandiosa

Grandiosa, a vida que eu tinha inventado
Pra você, a vida bem planejada que nos vendem
Uma vida assim não existe
Ah-ah, ah-ah

Composição: Claire Pommet
Enviada por Raissa e traduzida por Cássia. Legendado por Karine. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Você não precisa da tradução para entender essa letra!

Participe do evento e aprenda inglês com música

Quero participar

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Pomme

Ver todas as músicas de Pomme