He couldn't love you more

Plácido Domingo

Original Tradução Original e tradução
He couldn't love you more

I don't know what he told you
the stranger at the party
I only know you met him
and now you can't forget him
he's a stranger no more

I can't believe it happened
I never dreamed you'd leave me
we were so good together
I thought we'd share forever
the love we had before

Is there an explanation to ease my sorrow
is it infatuation and will it fade tomorrow
until you let me know my love
won't let you go
my heart won't close the door

And while you make your mind up
I beg you to remenber
although his arms may hold you
I don't know what he told you
but he couldn't love you more

Is there an explanation to ease my sorrow
is it infatuation and will it fade tomorrow
until you let me know my love
won't let you go
my heart won't close the door

And while you make your mindHe couldn't love you more
Zanger: Placido Domingo

I don't know what he told you
the stranger at the party
I only know you met him
and now you can't forget him
he's a stranger no more

I can't believe it happened
I never dreamed you'd leave me
we were so good together
I thought we'd share forever
the love we had before

Is there an explanation to ease my sorrow
is it infatuation and will it fade tomorrow
until you let me know my love
won't let you go
my heart won't close the door

And while you make your mind up
I beg you to remenber
although his arms may hold you
I don't know what he told you
but he couldn't love you more

Is there an explanation to ease my sorrow
is it infatuation and will it fade tomorrow
until you let me know my love
won't let you go
my heart won't close the door

And while you make your mind up
I beg you to remenber
although his arms may hold you
I don't know what he told you
but he couldn't love you more up
I beg you to remenber
although his arms may hold you
I don't know what he told you
but he couldn't love you more

Ele Não Pode Te Amar Mais

Não sei o que ele te disse
O estranho na festa
Só sei que você o encontrou
E agora não pode esquecê-lo
Ele não é mais um estranho

Não posso acreditar que isso aconteceu
Nunca sonhei que você poderia me deixar
Éramos tão bem juntos
Pensei que poderíamos compartilhar para sempre
O amor que antes tínhamos

Há uma explicação para aliviar minha dor?
É paixão e isso vai desaparecer amanhã?
Até você deixar eu saber que meu amor
Não vá deixa-la ir
Meu coração não vai fechar a porta

E enquanto você pensa
Peço-lhe para recordar
Apesar dos braços dele poderem te abraçar
Não sei o que ele te disse
Mas ele não pode te amar mais

Há uma explicação para aliviar minha dor?
É paixão e isso vai desaparecer amanhã?
Até você deixar eu saber que meu amor
Não vá deixa-la ir
Meu coração não vai fechar a porta

E enquanto você pensa
Ele não pode te amar mais

Não sei o que ele te disse
O estranho na festa
Só sei que você o encontrou
E agora não pode esquecê-lo
Ele não é mais um estranho

Não posso acreditar que isso aconteceu
Nunca sonhei que você poderia me deixar
Éramos tão bem juntos
Pensei que poderíamos compartilhar para sempre
O amor que antes tínhamos

Há uma explicação para aliviar minha dor?
É paixão e isso vai desaparecer amanhã?
Até você deixar eu saber que meu amor
Não vá deixa-la ir
Meu coração não vai fechar a porta

E enquanto você pensa
Peço-lhe para recordar
Apesar dos braços dele poderem te abraçar
Não sei o que ele te disse
Mas ele não pode te amar mais

Há uma explicação para aliviar minha dor?
É paixão e isso vai desaparecer amanhã?
Até você deixar eu saber que meu amor
Não vá deixa-la ir
Meu coração não vai fechar a porta

E enquanto você pensa
Peço-lhe para recordar
Apesar dos braços dele poderem te abraçar
Não sei o que ele te disse
Mas ele não pode te amar mais
Peço-lhe para recordar
Apesar dos braços dele poderem te abraçar
Não sei o que ele te disse
Mas ele não pode te amar mais

Enviada por Alex e traduzida por Augusto.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Plácido Domingo

Ver todas as músicas de Plácido Domingo