Begin The End

Placebo

Original Tradução Original e tradução
Begin The End

Look me in the eye say that again
Take me to your chest and let me in
Give me mouth to mouth and make emends
Knock me off my feet like heroin

No need to disguise or to pretend
Don't misconstrue and don't misapprehend
There's nothing left
No fortress to defend
And tonight is the night that we begin the end

Ooohhh

You and I kept looking to transcend
The fact that I was breaking till you're bend
But this is now and sadly that was then
And tonight is the night that we begin the end

Ooohhh

And I tried, god knows, I tried
But there's nothing you can do to change my mind

And I don't enjoy to watch you crumble
I don't enjoy to watch you cry
Make no mistake
Make no mistake

Look me in the eye say that again
Blame me for the sorry state you're in
It's not my fault if you can't comprehend
That tonight is the night that we begin the end

And I tried, god knows, I tried
But there's nothing you can do to change my mind

And I don't enjoy to watch you crumble
I don't enjoy to watch you cry
Make no mistake
Make no mistake

Look me in the eye say that again

Comece o Fim

Olhe-me nos olhos e diga aquilo outra vez
Leve-me até o seu peito e deixe-me entrar
Me dê uma respiração boca a boca e faça as emendas
Tire-me pra fora de mim mesmo como heroína

Não há necessidade de disfarçar ou fingir
Ou interpretar mal ou não entender bem
Não há mais nada
Nenhuma fortaleza para defender
E esta noite é a noite que começamos o fim

Ooohhh

Você e eu não parava de olhar para transcender
O fato de que eu estava quebrando até que você está dobrada
Mas isso é o agora e, infelizmente, aquilo é o antes
E esta noite é a noite que começamos no fim

Ooohhh

E eu tentei, Deus sabe que eu tentei
Mas não há nada que você possa fazer para mudar minha mente

E eu não gosto de vê-lo desmoronar
Eu não gosto de te ver chorar
Não errar
Não errar

Olhe-me nos olhos dizer isso de novo
Culpe-me pelo estado lastimável em que você está
Não é minha culpa se você não pode compreender
Que hoje à noite é a noite que começamos o fim

E eu tentei, Deus sabe que eu tentei
Mas não há nada que você possa fazer para mudar minha mente

E eu não gosto de vê-lo desmoronar
Eu não gosto de te ver chorar
Não errar
Não errar

Olhe-me nos olhos, diga aquilo outra vez

Composição: Brian Molko
Enviada por Danielle e traduzida por Alinne. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Placebo

Ver todas as músicas de Placebo