Between Us

Peter Bradley Adams

Original Tradução Original e tradução
Between Us

Hey stranger or may I call you my own
I know I don't know you, but there's somewhere I've seen you before
Whatever your name is, whatever you do
There's nothing between us I'm willing to loose

Just call me if ever our paths may colide
I want you to call me under these darkened sky's
Whoever you love, whoever you kiss
The wandering between us I'm willing to miss

Now I'm drifting out over deep oceans
And the tide won't take me back in
And these desperate nights I'll call you again and again

There's a comfort, comfort in things we believe
Other than danger, wanting the things I can't see
Wherever you live now, wherever you walk
This distance between us I'm willing to cross

Now I'm drifting out over deep oceans
And the tide won't take me back in
And these desperate nights I'll call you again and again

Now I'm drifting out over deep oceans
And the tide won't take me back in
And these desperate nights I'll call you again and again

Hey stranger or may I call you my own
I know I don't know you, but there's somewhere I've seen you before.

Entre Nós

Hey estranha ou eu posso te chamar do meu jeito
Eu sei que eu não te conheço, mas eu já te vi em algum lugar antes
Seja qual for o seu nome, o que quer que você faça
Não há nada entre nós que estou disposto a perder

Apenas me chame, se alguma vez os nossos caminhos colidirem
Eu quero que você me chame na escuridão desse céu
Quem você ama, quem você beija
O espaço entre nós eu estou disposto a perder

Agora eu estou derivando ao longo de oceanos profundos
E a maré não vai me levar de volta
E nestas noites desesperadas eu vou chamá-lo de novo e de novo

Há um conforto, conforto em coisas que nós acreditamos
E há o perigo, querendo as coisas que eu não posso ver
Onde quer que você viva agora, onde quer que você anda
Essa distância entre nós eu estou disposto a cruzar

Agora eu estou derivando ao longo de oceanos profundos
E a maré não vai me levar de volta
E nestas noites desesperadas eu vou chamá-la novamente e novamente

Agora eu estou derivando ao longo de oceanos profundos
E a maré não vai me levar de volta
E nestas noites desesperadas eu vou chamá-la de novo e de novo

Hey estranha ou posso chamá-la do meu jeito
Eu sei que eu não te conheço, mas eu já te vi em algum lugar antes

Enviada por Guah e traduzida por Kath. Legendado por Rachel. Revisão por Pâm.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Peter Bradley Adams

Ver todas as músicas de Peter Bradley Adams