LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Ghost Town

Passenger

Ghost Town

Take a walk in a ghost town
The sky is as black as crows
They don't make cars like they used to here
Times, they change
And factories close

Take a ride on a ghost train
Stare at the windows
See, time moves fast as a hurricane
But it's so strange
It feels so slow

But sometimes it gets so cold down here
Well I swear it burns
The wind like fire coming off
Of the Great Lakes

Sometimes it gets so dark in here
Hey, I see it turn
The emptiness that moves within my soul
We're down in a ghost town

See the crash in the rust
See the ash in the dust
Feel it slipping through your hands
Falling on the shoes and the shoulders
Of the ragged man

See the pride and the shame
Like fire and the flame
Well, it burns through every man
And drops them like drunken soldiers
On the river banks

Well, sometimes it gets so cold down here
Hey I swear it burns
The wind like fire coming off
Of the Great Lakes

Sometimes it gets so dark in here
Well I see it turn
The emptiness that moves within my soul
We're down in a ghost town

Well, sometimes it gets so cold down here
Hey, I swear it burns
The wind like fire coming off
Of the Great Lakes

Sometimes it gets so dark in here
Oh, I see it turn
The emptiness that moves within my soul
We're down in a ghost town

Cidade Fantasma

Dê um passeio em uma cidade fantasma
O céu é tão preto quanto os corvos
Eles não fazem carros como costumavam fazer aqui
Tempos, eles mudam
E fábricas fecham

Pegue uma carona em um trem fantasma
Olhe pelas janelas
Veja, o tempo passa rápido como um furacão
Mas é tão estranho
Parece tão lento

Mas às vezes fica tão frio aqui embaixo
Bem, eu juro que queima
O vento como fogo saindo
Dos Grandes Lagos

Às vezes fica tão escuro aqui
Ei, eu vejo isso virar
O vazio que se move com a minha alma
Nós estamos em uma cidade fantasma

Veja o acidente na ferrugem
Veja as cinzas na poeira
Sinta escorregar pelas suas mãos
Caindo nos sapatos e nos ombros
Do homem esfarrapado

Veja o orgulho e a vergonha
Como fogo e a chama
Bem, isso queima todo homem
E os derruba como soldados bêbados
Nas margens do rio

Bem, às vezes fica tão frio aqui
Ei, eu juro que queima
O vento como fogo saindo
Dos Grandes Lagos

Às vezes fica tão escuro aqui
Bem, eu vejo isso virar
O vazio que se move com a minha alma
Nós estamos em uma cidade fantasma

Bem, às vezes fica tão frio aqui
Ei, eu juro que queima
O vento como fogo saindo
Dos Grandes Lagos

Às vezes fica tão escuro aqui
Oh, eu vejo isso virar
O vazio que se move com a minha alma
Nós estamos em uma cidade fantasma

Composição: Michael David Rosenberg Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Lucas e traduzida por Sara. Revisão por Lucas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Passenger

Ver todas as músicas de Passenger