Ciranda

Palavra Cantada

Deixa de manha de noite e de dia
Toda criança diz que tudo é seu
Hei, menino! Hei, menina! Larga disso, lagartixa
Que nessa ciranda o mundo inteiro é meu, é seu, é meu, é seu...

Como uma vez tinha um tatu bolinha
Mais outra vez nasceu um monte de irmãos
Mais o amigo, mais a prima, o colega, a vizinha
E nessa ciranda o tatu bolinha virou bolão, balão, bolão, balão...

E nessa ciranda o mundo inteiro é meu, é seu, é meu, é seu...
E nessa ciranda o tatu bolinha virou bolão, balão, bolão, balão...

Enviada por Eliane. Legendado por João. Revisão por Rodrigo.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Palavra Cantada

Ver todas as músicas de Palavra Cantada