Vontade de Sair

Os Intrusivos

Como uma flor que seca
Como um sol que se põe
Como um trem que parte
Como um pássaro que vai, você se foi

Depois de tudo ainda penso em você
Nos momentos vivos em minha mente
Que um dia me destes
Mas partiu, se foi

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de chorar

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de sair, por aí

Como uma flor que seca
Como um sol que se põe
Como um trem que parte
Como um pássaro que vai, você se foi

Depois de tudo ainda penso em você
Nos momentos vivos em minha mente
Que um dia me destes
Mas partiu, se foi

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de chorar

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de sair, por aí

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de chorar

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de chorar

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de chorar

E doeu, aqui dentro de mim
Sinto um entalado na garganta
Vontade de sair, por aí

Composição: Berg / PEDRO
Enviada por Os.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog