Buena Vida (part. Daddy Yankee)

Natti Natasha

Original Tradução Original e tradução
Buena Vida (part. Daddy Yankee)

Se fue, la marea subió y se fue
No lo busquen que hasta ahora ya ni se ve
Arriba de las nubes va un avión con mi merca
Soy dueña de los cielos, cuando paso ellos tiemblan

Buena vida, me quiero dar buena vida
Aunque me cueste la vida
Y me digan que no es de verdad
Buena vida, me quiero dar buena vida
Aunque me cueste la vida
Y me digan que no es de verdad

Me dijo: Ven, chiquitita, que aquí estás bien
Yo te vo' a cuidar, que algún lobo te va a comer
Debajo de la tierra corre un tren con mi merca
Del cielo cae mi nieve y un Sol me calienta

Buena vida, me quiero dar buena vida
Aunque me cueste la vida
Y me digan que no es de verdad (hah, the Big Boss)
Buena vida, me quiero dar buena vida (jefe)
Aunque me cueste la vida (negocios siempre en mente)
Y me digan que no es de verdad (money, je-jefe)

Soy quilero, vi que desde mi país al extranjero
La droga es lo más que hace dinero (yeh)
Suplidor de una fina mercancía
Mi nómina está en los políticos y la policía (wuh, wuh, wuh)
Yo no existiera si mi producto no tuviera demanda (money)
Si tú me tiras vela bien dónde andas
Compuesta artillería siempre suena mi banda
Brrrr, oh, yeah (can, can, can, can, can)
Mansiones como Versace
Carro' 'el año, o de aviones, mujeres y mariachis, wuh
Resucitaré en cada vela de la misa
Después de mi muerta será la moda mi camisa

Buena vida (soy ley), me quiero dar buena vida
Aunque me cueste la vida
Y me digan que no es de verdad ('toy viviendo bien baby)
Buena vida, me quiero dar buena vida (heh)
Aunque me cueste la vida (la tuya también)
Y me digan que no es de verdad (money, je-jefe)

Soy quilero, soy quilero, mi misión; hacer dinero
Un capo con sangre de guerrero (¡su!)
Soy quilero lo que subo, un trabajo por los cielos
Tripico las ganancias por el suelo
Soy quilero, siquilero, mi misión; hacer dinero
Un capo con sangre de guerrero (pam)
Muere uno pero nacen cien al año
Y me vo' a dar buena vida aunque esta vida sea un engaño

Buena vida, me quiero dar buena vida
Aunque me cueste la vida
Y me digan que no es de verdad
Buena vida, me quiero dar buena vida
Aunque me cueste la vida
Y me digan que no es de verdad

Boa Vida (part. Daddy Yankee)

Se foi, a maré subiu e se foi
Não o procurem que até agora já nem se vê
Acima das nuvens vai um avião com minha mercadoria
Sou dona dos céus, quando passo, eles tremem

Boa vida, me quero dar boa vida
Mesmo que me custe a vida
E me digam que não é de verdade
Boa vida, me quero dar boa vida
Mesmo que me custe a vida
E me digam que não é de verdade

Me disse: Venha, garotinha, que aqui você está bem
Eu vou cuidar de você, já o seu lobo vai te comer
Embaixo da terra corre um trem com minha mercadoria
Do céu, cai minha neve e um Sol me aquece

Boa vida, me quero dar boa vida
Mesmo que me custe a vida
E me digam que não é de verdade (hah, o chefão)
Boa vida, me quero dar boa vida (chefe)
Mesmo que me custe a vida (negócios sempre na mente)
E me digam que não é de verdade (dinheiro, che-chefe)

Sou quilero, vim do meu país para o exterior
A droga é o que mais dá dinheiro
Fornecedor de uma mercadoria fina
Minha folha de pagamento está com políticos e com a polícia (wuh, wuh, wuh)
Eu não existiria se meu produto não tivesse demanda (dinheiro)
Se me procurar, venha com cautela, onde você está?
Composto de artilharia sempre na minha área
Brrrr, oh, yeah (consegue, consegue, consegue, consegue)
Mansões iguais a Versace
Carros do ano, e aviões, mulheres e mariachis, wuh
Ressuscitarei em cada vela da missa
Depois de mortos a moda será minha camisa

Boa vida (sou lei), me quero dar boa vida
Mesmo que me custe avida
E me digam que não é de verdade (estou vivendo bem, baby)
Boa vida, me quero dar boa vida (heh)
Mesmo que me custe a vida (a sua também)
E me digam que não é de verdade (dinheiro, che-chefe)

Sou quilero, sou quilero, minha missão é fazer dinheiro
Um chefe com sangue de guerreiro (su!)
Sou quilero, o que subo, um trabalho pelos céus
Triplicou a ganancia pelo chão
Sou quilero, sou quilero, minha missão é fazer dinheiro
Um chefe com sangue de guerreiro (pam)
Morre um, mas nascem cem ao ano
E vou me dar uma boa vida mesmo que esta vida seja um erro

Boa vida, me quero dar boa vida
Mesmo que me custe avida
E me digam que não é de verdade
Boa vida, me quero dar boa vida
Mesmo que me custe a vida
E me digam que não é de verdade

Composição: Carlos Marmo / Eli Barreto-Ramos / Manuel Ramos-Quintana / Natalia Gutierrez / Rafael Pina / Ramón Ayala
Enviada por Juh e traduzida por Cristiano. Legendado por Cristiano. Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog