Sempre foi e assim será
Minha sina é esperar
O dia em que você irá voltar

Quando finalmente for
Da distância entre nós dois
Ser mais que ar, que fé, que pó e calor

O seu cheiro é meu suor
O seu gosto vem me despertar, me cobre de cor
Meu contorno sei de cor
O seu choro vem me confortar, lavar essa dor

Molha e percorre o meu corpo
Chora todo o seu, todo o seu amor
Volta e me deixa bem úmida
E inunda o meu ser

E segue a seca a me queimar
Abraço o azul do céu e espero o cinza desaguar
Acaba com o vazio dessa minha sede de chuva

Quando finalmente for
Da distância entre nós dois
Ser mais que ar, que fé, que pó e calor

O seu cheiro é meu suor
O seu gosto vem me despertar, me cobre de cor
Meu contorno sei de cor
O seu choro vem me confortar, lavar essa dor

Molha e percorre o meu corpo
Chora todo o seu, todo o seu amor
Volta e me deixa bem úmida
E inunda o meu ser

E segue a seca a me queimar
Abraço o azul do céu e espero o cinza desaguar
Acaba com o vazio dessa minha sede de chuva

Enviada por Catita. Legendado por Douglas. Revisão por Catita.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Móveis Coloniais de Acaju

Ver todas as músicas de Móveis Coloniais de Acaju