As quatro estrelas do meu céu são suas
E os oito postes da avenida são meus
E se você quisesse todos eles, te dava
Lembra, minha luz, foi você quem me deu

As sete cartas do tarô são suas
E os dez destinos mais prováveis são meus
Se você pedisse para abrir um caminho
Esse iria dar na nossa casa, meu bem

As trinta e uma rosas do jardim são suas
E há somente um cravo, que é meu
E se você quisesse um arranjo ou um buquê
Minha querida, o cravo era

Seu sorriso é o que preciso
E quanto ao resto, eu juro, tanto faz
Sua ausência me condena à dor

As nove luas sobre o mar são suas
E o escuro embaixo dos seus pés é meu
Mas se você quisesse a vida um pouco mais clara
Por você, querida, roubo os raios de Zeus

As mil e uma noites que virão são suas
E meu, só um minuto antes do Sol nascer
Mas se você pedisse uma fração da eternidade
Eu me virava, e o tempo era

Seu sorriso é o que eu preciso
Pra abraçar o mundo e muito mais
Sua ausência me condena à dor da saudade

Você me completa, amor
E sabe que meu sonho só é um sonho porque
Você me completa, amor
Meu sonho só é um sonho porque
Você está nele

Seu sorriso é o que preciso
E quanto ao resto, eu juro, tanto faz
Seu sorriso é o que eu preciso
Pra abraçar o mundo e muito mais

Seu sorriso é o que eu preciso
Pra apagar a dor
Da saudade!

Composição: Ofugi / Leoni / Paulo Rogério / Coaracy / André Gonzales / Bruno César Pino / Esdras Nogueira / Eduardo Borém / Fabio Pedroza / Xande Bursztyn / Beto Mejia
Enviada por Julio. Legendado por lais.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Móveis Coloniais de Acaju

Ver todas as músicas de Móveis Coloniais de Acaju