Semana do Inglês com Música
dias horas minutos
Participar

Na Saudade Não Há Paz

MonoLLogo

O imã que tem na tua boca
E tua raposa na coxa
Me trazem pra perto mesmo sem querer

E quando eu me calo no embalo do teu sono
Você deita no meu ombro mesmo sem perceber

Eu me rendo ao teu perfume e ao teu rosto tão singelo
Poder ser o teu cais
É tudo que eu mais quero

E eu me pego aqui pensando
Como seria se um dia
A minha vida e a tua vida fossem uma de uma vez

E te levar pra casa pode ser a melhor parte ainda
Te ouvindo sussurrar
Te perguntar como foi o seu dia
E desvendar teu corpo como arte
Grudar em mim teu cheiro, tua vontade

Eu odeio ter que dizer: até mais
Já nem me lembro quanto tempo faz
Que o tempo nos obriga a ficar longe
E demora o infinito pra passar

Não há
Na saudade não há paz

A saudade dói, disso eu sei
Só não sabia o quanto
Eu a subestimei

Eu te quero por horas
Eu te quero agora!
Eu te daria o meu tudo sem pedir nada em troca
Na verdade o meu nada é tudo que eu tenho pra te dar agora

Ao menos ele dura
Mas é dura a hora da despedida

É fria
Confusa
E nunca muda
Nunca muda
Nunca muda

Como uma ferida exposta
Que se abre cada vez
Que você sai
Por aquela porta

Eu odeio ter que dizer: até mais
Já nem me lembro quanto tempo faz
Que o tempo nos obriga a ficar longe
E demora o infinito pra passar

Não há
Na saudade não há paz

Composição: Caio Weber
Enviada por Luiz.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de MonoLLogo

Ver todas as músicas de MonoLLogo