A Prova de Balas

MC Sid

Tô há dias com a minha mente
Presa na ideia de que vingança é uma boa alternativa
Todos que me fuderam hoje pedem minha ajuda
Pra que eu faça eles voltarem pra ativa
O anjo no meu ombro pede pela minha atenção
Enquanto do outro lado o demônio me atiça

Sei que não entro no paraíso
Eu vendi minha alma por justiça
E faria de novo se isso fosse necessário
Não voltei pra terra de férias e não foi a trabalho
Sabe que o caminho certo da vida não tem atalho
Sou raiz, não me confunda com esse quebra galho

Reza a lenda que eu tirei minha venda e me tornei lendário
Não se venda, entenda que não existe preço por trabalho
A minha renda vem da venda de letras de dicionário
Põe legenda que eu tô puto e esse flow é do caralho, então
Você não imagina como essa chacina de autoestima foi horrível pra mim
Com disciplina não existe colina que seja íngreme demais pra subir

O mal alucina, não existe vacina, aves de rapina querem meu fim
Alguns vão construir muralhas da China
Eu vou derrubar muros de Berlim
Assim, não me dê flores, pois mato o canteiro
Tudo que eu penso eu escrevo em cartas
Essa daqui foi uma diss pro carteiro

Porta da rua, serventia da casa
Tua arruaça cortou o porteiro
Não sei o que é pior, ver de manhã o cafetão na igreja
Ou de noite o padre no puteiro

Vocês nunca vão me atingir (não, não, não)
Sou à prova de bala, tua fala não afeta meu coração
Vocês nunca vão conseguir mudar minha direção
Sigo firme, eu sei
Vocês nunca vão me atingir (não, não, não)
Sou à prova de bala, tua fala não afeta meu coração
Vocês nunca vão conseguir mudar minha direção
Sigo firme, eu sei
Vocês nunca vão me atingir

Atenção, zero paciência pra tua incomissão
Cala a puta da boca que eu não pedi tua opinião
Minha vida é tempestade, minha cabeça é furacão
Minha força de vontade vem da minha irritação
Tem vezes que a liberdade vai ser tua maior prisão
Cada unidade no final faz parte da união
Então vossa majestade tem que respeitar o peão

Como pode? Vida dura
Dinheiro não é fartura
Cara feia não é postura
Rima paga minha fatura
Minha grana faz cultura
Vou levar tudo que eu falo até minha sepultura
Cada base do lodo serve como aventura
A saudade me tortura
Como que a loucura sempre me procura? Porra

Vida de luta absoluta
Fala, escuta, tretas e trutas
Tapas e fugas, papo de Judas
Filho da pu-, muda a conduta
Fi, não me culpa, zero ajuda
Rap matuta, bad Bc Gutta
Filho, circuita, levada bruta
Veja, desfruta, karma de buda, ah

Se vira
Fala merda, depois que aperta tu retira
Sem estresse, não esquece, o mundo gira
Olha só, ô dó, com essa cara de pó vou te chamar de aspira
Onde vive meu talento você não respira
Respeita ou pira
Prefiro um inimigo de verdade que um amigo de mentira

Vocês nunca vão me atingir (não, não, não)
Sou à prova de bala, tua fala não afeta meu coração
Vocês nunca vão conseguir mudar minha direção
Sigo firme, eu sei
Vocês nunca vão me atingir (não, não, não)
Sou à prova de bala, tua fala não afeta meu coração
Vocês nunca vão conseguir mudar minha direção
Sigo firme, eu sei
Vocês nunca vão me atingir


Posts relacionados

Ver mais no Blog