Warm Wet Circles

Marillion

Original Tradução Original e tradução
Warm Wet Circles

On promenades where drunks propose to lonely arcade mannequins
Where ceremonies pause at the jeweler's shop display
Feigning casual silence in strained romantic interludes
Till they commit themselves to the muted journey home

And the pool player rests on another cue
Last nights hero picking up his dues
A honeymoon gambled on a ricochet
She's staring at the brochures at the holidays

Chalking up a name in your hometown
Standing all your mates to another round
Laughing at the world till the barman wipes away the warm wet circles
The warm wet circles

I saw teenage girls like gaudy moths
A classroom's shabby butterflies
Flirt in the glow of stranded telephone boxes
Planning white lace weddings from smeared hearts and token proclamations
Rolled from stolen lipsticks across the razored webs of glass
Sharing cigarettes with experience with her giggling jealous confidantes
She faithfully traces his name with quick bitten fingernails
Through the tears of condensation that'll cry through the night
As the glancing headlights of the last bus kiss adolescence goodbye
In a warm wet circle

Like a mothers kiss on your first broken heart, a warm wet circle
Like a bullet hole in Central Park, a warm wet circle
And I'll always surrender to the warm wet circles

She nervously undressed in the dancing beams of the Fidra lighthouse
Giving it all away before it's too late
She'll let a lovers tongue move in a warm wet circle
Giving it all away and showing no shame
She'll take a mother's kiss on her first broken heart a warm wet circle
She'll realise that she played her part in a warm wet circle

Círculos Quentes e Úmidos

Em passeios onde bêbados se declaram para solitários manequins de arcádia
Onde os casais param diante da vitrine da joalheria
Fingindo silêncio casual em tensos intervalos românticos
Até que se comprometam com a silenciosa viagem para casa

E o jogador de bilhar descansa em outro taco
Herói da última noite pegando o que é seu
Uma lua de mel apostada em um ricocheteio
Ela está olhando os folhetos no feriado

Riscando um nome em sua cidade natal
Todos os seus companheiros de pé para outra rodada
Rindo do mundo até que o garçom limpe os círculos quentes e úmidos
Os círculos quentes e úmidos (marcas de copos)

Eu vi garotas adolescentes como mariposas,
Borboletas maltrapilhas de uma sala de aula,
Flertar no brilho de cabines telefônicas abandonadas
Planejando casamentos de renda branca, de corações manchados e proclamações simbólicas
Retiradas de batons roubados através das teias de vidro afiadas
Compartilhando cigarros com experiência, com suas risíveis confidentes invejosas
Ela fielmente traça seu nome com rápidas unhas comidas
Através das lágrimas de condensação que vai chorar durante a noite
Como os faróis reluzentes do último ônibus, dê um beijo de adeus à adolescência
Em um círculo quente e úmido

Como um beijo de uma mãe em seu primeiro coração partido, um círculo quente e úmido
Como um buraco de bala no Central Park, um círculo quente e úmido
E eu sempre me renderei aos círculos quentes e úmidos

Ela se despiu nervosamente nas vigas de dança do Farol de Fidra
Se entregando antes que seja tarde demais
Ela vai deixar a língua de um amante se mover num círculo quente e úmido
Se entregando sem culpa alguma
Ela vai ganhar um beijo maternal em seu primeiro coração partido, um círculo quente e úmido
Ela vai perceber que ela desempenhou seu papel em um círculo quente e úmido

Composição: Ian Mosley / Mark Kelly / Pete Trewavas / Steve Rothery
Enviada por Raffael e traduzida por Leandro. Revisão por João.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Marillion

Ver todas as músicas de Marillion