Ah, me mostra a tua alma
Que eu quero fugir de mim
Preciso fugir de mim

Ou me mostre alguma música
Funciona também pra mim
Funciona também pra mim

Ah, se tu pudesses ver o que eu vejo
E sentir as pontas dos dedos desaparecerem

Ah, se tu pudesses ser o que sou
Aeronave sem asas, prestes a apontar voo

Tu entenderias que sou
Obra inacabada, talvez
Uma apaixonada
Pela vã melancolia
Talvez eu

Obra inacabada
Talvez
Uma apaixonada
Pela vã melancolia que é ser eu
Eu, sempre eu, sempre eu
Eu, sempre eu

Ah, me fale dos teus medos
Que eu quero fugir dos meus
Preciso fugir dos meus

Ou me conte algum segredo
Pra que eu possa carregar alguma importância

Ah, se tu pudesses ver o que eu vejo
E sentir lá dentro do peito
Uma roda de samba

Ah, se tu pudesses ser o que sou
Plateia indo embora
Acabou o show

Tu entenderias que sou
Obra inacabada, talvez
Uma apaixonada
Pela vã melancolia
Talvez eu

Obra inacabada
Talvez
Uma apaixonada
Pela vã melancolia que é ser eu

Eu
Sempre eu
Sempre eu
Sempre eu

Composição: Mariana Froes
Enviada por Manuela. Revisões por 5 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Mariana Froes

Ver todas as músicas de Mariana Froes