Obloco

Maria Gadú

Quando eu lançar meu bloco
O bloco dos sem medo
Um bloco happy
Um bloco crente
Um bloco black
Um bloco free

Quando eu dançar pro povo
Vou de bloco de cimento
Eu vou correndo
Eu vou dizendo
Esse bloco é lindo
Demais assim

Eu já vejo juntando gente
De todo tipo com belas vestes
Bailando leves na madrugada
A manhã virá ver o bloco

Fora do carnaval
No chão do inverno e a lua vai
Ter um recital
Do povo contente aos berros na rua

Pra fazer do povo saudade
Esse bloco canta vidas inteiras
E a multidão que se afoga ao dia
Essa noite é porta estandarte

Quando ao auge
O corpo exala
Paixões florais
Pela própria dança
Ninguém se fala
Ninguém se cansa
A alma é o pulso do bloco

Fora do carnaval
No chão do inverno e a lua
Vai ter um recital
Do povo contente aos berros na rua

Fora do carnaval
No chão do inverno e a lua
Vai ter um recital
Do povo contente aos berros na rua

Enviada por Bardigang. Legendado por Lelly. Revisão por Taina.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Maria Gadú

Ver todas as músicas de Maria Gadú