A Voz de Uma Pessoa Vitoriosa

Maria Bethânia

Sua cuca batuca, eterno zig-zag
Entre a escuridão e a claridade
Coração arrebenta, entretanto o canto aguenta

Brilha no tempo a voz vitoriosa
Sol de alto monte, estrela luminosa
Sobre a cidade maravilhosa

E eu gosto dela ser assim vitoriosa
A voz de uma pessoa assim vitoriosa

Que não pode fazer mal, não pode fazer mal nenhum
Nem a mim, nem a ninguém, nem a nada
E quando ela aparece cantando gloriosa

Quem ouve nunca mais dela se esquece
Barcos sobre os mares, voz que transparece
Uma vitoriosa forma de ser e viver

Que não pode fazer mal, não pode fazer mal nenhum
Nem a mim, nem a ninguém, nem a nada
E quando ela aparece cantando gloriosa

Quem ouve nunca mais dela se esquece
Barcos sobre os mares, voz que transparece
Uma vitoriosa forma de ser e viver

Composição: Caetano Veloso / Waly Salomão
Enviada por Eliane. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog