Dama do Cabaret

Marcos Sacramento

Foi num cabaret na Lapa
Que eu conheci você
Fumando cigarro, entornando champanhe no seu soirée
Dançamos um samba, trocamos um tango por uma palestra
Só saimos de lá meia hora depois de descer a orquestra

Em frente à porta um bom carro nos esperava
Mas você se despediu e foi pra casa a pé
No outro dia lá nos Arcos eu andava
À procura da dama do cabaré

Eu não sei bem se chorei no momento em que lia
A carta que eu recebi (não me lembro de quem)
Você nela me dizia
Que quem é da boemia
Usa e abusa da diplomacia
mas não gosta de ninguém.

Composição: Noel Rosa
Enviada por Amanda.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Marcos Sacramento

Ver todas as músicas de Marcos Sacramento