Sabia

Márcio & Goró

(Refrão)
Lá estava eu
De frente pro mar
Quando ouvi ela cantar
Linda sabiá, a de laranjeira
Doce sereia do luar

Admirando o vai e vem das ondas
Me encontrava em tristeza sem fim
Olhando as águas, aquecendo as rosas
Senti um doce cheiro de alecrim

Eeste momento eu ouvi palavras
Simbolizando o verdadeiro amor
E calmamente o vento soprava
A mana chara que o ura criou

Extasiado por tanta beleza
Vi a tristeza se afastar de mim
Vá sabiá e traga a minha princesa
No sofrimento ponha logo um fim

Vá sabia traga ela de volta pra mim
Com certeza eu vou recompensar
Com perfumes, rosas e alecrim

(Refrão)
Lá estava eu
De frente pro mar
Quando ouvi ela cantar
Linda sabiá, a de laranjeira
Doce sereia do luar(2 x)

Admirando o vai e vem das ondas
Me encontrava em tristeza sem fim
Olhando as águas, aquecendo as rosas
Senti um doce cheiro de alecrim

Eeste momento eu ouvi palavras
Simbolizando o verdadeiro amor
E calmamente o vento soprava
A mana chara que o ura criou

Extasiado por tanta beleza
Vi a tristeza se afastar de mim
Vá sabiá e traga a minha princesa
No sofrimento ponha logo um fim

Vá sabia traga ela de volta pra mim
Com certeza eu vou recompensar
Com perfumes, rosas e alecrim

(Refrão)
Lá estava eu
De frente pro mar
Quando ouvi ela cantar
Linda sabiá, a de laranjeira
Doce sereia do luar(4 x)

Composição: KAROL / Marcio
Enviada por Vanessa. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Márcio & Goró

Ver todas as músicas de Márcio & Goró