No Me Conoces

Marc Anthony

Original Tradução Original e tradução
No Me Conoces

No me conoces
Y hace tres noches que dormiste entre mis brazos.
Ya no recuerdas las tantas cosas que conmigo hiciste tú.

Cómo creerte?
Si te morías cada vez que me besabas
Y hasta decías
Haber anhelado siempre un hombre como yo.

En ocasiones
Tapé tu boca para que no se escucharan
Los fuertes gritos
enloquecidos que brotaban de tu ser.

Ahora te empeñas
En ignorarme cuando te miro a los ojos,
Pones la cara como sintiendo enojos,
Como si yo fuera un extraño en tu vida.

Si ésa es tu forma,
Lamento mucho haber estado contigo
Aunque confieso y pongo a dios como testigo
Que estoy muriendo por tenerte una vez más.

No me conoces
Y hasta una foto me pediste aquella noche
Para guardarla
Y acariciarla cuando te acuerdes de mí.

Ahora te empeñas
En ignorarme cuando te miro a los ojos,
Pones la cara como sintiendo enojos,
Como si yo fuera un extraño en tu vida.

Si ésa es tu forma,
Lamento mucho haber estado contigo
Aunque confieso y pongo a dios como testigo
Que estoy muriendo por tenerte una vez más...

No me conoces mi amor.
Nadie sabrá de lo nuestro:
De aquella noche sin fenos,
Del temblor de tu cuerpo
Y el calor de tus besos...

No, no me conoces...

Pero tú y yo lo sabemos:
Pero tú y yo lo sabemos
Que fuiste leña y yo fuego
Y ahora resulta que no soy suficiente para ti
Oh!

Pero tú y yo lo sabemos:
Pero tú y yo lo sabemos
Que fuiste leña y yo fuego

Pero tú y yo lo sabemos:
Pero tú y yo lo sabemos
Que fuiste leña y yo fuego...

Não Me Conhece

Não me conhece
E faz três noites que você dormiu nos meus braços
Já não se lembra de tantas coisas que fez comigo

Como acreditar em você?
Se você morria cada vez que me beijava
E ainda alegou que sempre quis encontrar um homem como eu

Às vezes tampei a sua boca para que não escutassem
Os gritos loucos que você dava

Agora insiste em me ignorar quando olho nos seus olhos
Faz uma cara de nojo
Como se eu fosse um estranho na sua vida

Se esse é o seu jeito, lamento muito ter estado com você
Mesmo que que confesso e faço de Deus testemunha
Que estou morrendo pra ter mais uma vez

Não me conhece
E até uma foto que me pediu aquela noite
Para guardar e acariciar quando se lembrar de mim

Agora você insiste em me ignorar quando eu olho em seus olhos,
Você coloca um cara como o sentimento da raiva,
Como se eu fosse um estranho em sua vida.

Se esse é o seu jeito, lamento muito ter estado com você
Mesmo que que confesso e faço de Deus testemunha
Que estou morrendo pra ter mais uma vez

Não me conhece, amor
Ninguém sabe de nós
Daquela noite sem limites,
Do tremor do teu corpo
E do calor dos teus beijos

Não, você não me conhece

Mas você e eu sabemos
Mas você e eu sabemos
Que você foi lenha e eu fogo
E agora não sou o suficiente para você
Oh!

Mas você e eu sabemos
Mas você e eu sabemos
Que você foi lenha e eu fogo

Mas você e eu sabemos
Mas você e eu sabemos
Que você foi lenha e eu fogo

Composição: Fernándo Arias
Legendado por niczinha. Revisão por niczinha.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Marc Anthony

Ver todas as músicas de Marc Anthony