Um Amor Chamado Bolsonaro

Maicon Küster

Bolsonaro, Bolsonaro
Eu quero ter o Bolsonaro
Bolsonaro, Bolsonaro
Eu quero ter o Bolsonaro

É só não roubar, não estuprar e não matar que não vai pra lá, porra!
E a tua mãe quem que é?
E a tua mãe quem que é?
E a tua mãe quem que é?
(O bigodudo ou o careca?)

É só não roubar, não estuprar e não matar que não vai pra lá, porra!
E a tua mãe quem que é?
E a tua mãe quem que é?
E a tua mãe quem que é?
(O bigodudo ou o careca?)

Bolsonaro (Jair), Bolsonaro (Jair)
Eu quero ter o Bolsonaro
Bolsonaro (Jair), Bolsonaro (Jair)
Eu quero ter o Bolsonaro

(Se alguém, se alguém assim,
Alguém desse um beijo, tipo assim
No seu governo, um homem beijando outro homem
O que que cê faria?)

(Na boca?
Vai dar num motel, quer dar bananeira
Vai queimar tua rosquinha onde tu bem entender
Durante o serviço, em sala de aula não!
Respeito!)

Tudo que eu queria era o Bolsonaro próximo
Eu olho para ele como ele vê nióbio
Já é óbvio, ele é minha alma amada
Se for pra queimar a rosca
Que seja na sua casa

Desculpe , é que eu te acho bem bonito
Eu olho pra você e penso: Mas o que é isso?
Desculpe, não sei o que há de errado
Mas dentro do meu corpo só existe o Bolsonaro

Eu conheci um homem chamado Bolsonaro
Era lindo, elegante e também muito engraçado
Eu conheci um homem chamado Bolsonaro
Era lindo, elegante e também muito engraçado

Bolsonaro, Bolsonaro
Eu quero ter o Bolsonaro
Bolsonaro, Bolsonaro
Eu quero ter o Bolsonaro

(Ah num é porque o cara faz sexo com seu órgão excretor que vai ter que ser melhor que os outros!
Ah num é porque o cara faz sexo com seu órgão excretor que vai ter que ser melhor que os outros!
Ah num é porque o cara faz sexo com seu órgão excretor que vai ter que ser melhor que os outros!
Ah num é porque o cara faz sexo com seu órgão excretor)

Bolsonaro

Composição: Maicon Küster
Enviada por biel. Revisão por João.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog