Óh Minh'alma

Luma Elpidio

Óh Minh'alma
Eu preciso ter uma conversa séria com você
É que as vezes não te entendo bem

E a primeira coisa que eu preciso saber é
Porque estás tão abatida assim?
Eu venho percebendo
Não queria te dizer mas
Eu sei que ainda te perturbas
Bem dentro de mim

Parece até que se esquece
Que sem a fé
É impossível agradar a Deus
E que a fé nada mais é
Que a certeza
Daquelas coisas que você não pode ver
Porque se você vê
Já não será mais fé

Parece até que não percebe
Que o nosso Deus
Sempre ao nosso lado está
E mesmo que eu chore por toda uma noite
Na manhã do outro dia
A alegria vai chegar
Porque a alegria do Senhor
É a nossa força

Ele é socorro bem presente na angústia
Ele é a certeza de um futuro que não deixa dúvida
Ele é socorro bem presente na angústia
Ele é a certeza
De um futuro que não deixa dúvida alguma
Ele é socorro bem presente
Ele é a certeza
Certeza absoluta

Óh Minh'alma
Porque estás tão abatida assim?
Óh Minh'alma
Porque ainda te perturbas bem dentro de mim?

De uma coisa sei
Ainda o louvarei
Pois Ele é o meu Deus
E o auxílio meu

Ele é socorro bem presente na angústia
Ele é a certeza
De um futuro que não deixa dúvida alguma
Ele é socorro bem presente
Ele é a certeza
Certeza absoluta

Óh Minh'alma
Porque estás tão abatida assim?
Óh Minh'alma
Porque ainda te perturbas bem dentro de mim?

De uma coisa sei
Ainda o louvarei
Pois Ele é o meu Deus
E o auxílio meu

Óh Minh'alma
Eu preciso ter uma conversa séria com você
É que as vezes não te entendo bem

Composição: Luma Elpidio
Enviada por Nathália. Legendado por Giovanna.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog