Super Matina (feat. Gazzelle)

Lorenzo Fragola

Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

Super Matina (feat. Gazzelle)

Non mi importa se mi lasci solo
Ti rincorro per le strade, vado al manicomio
Poi domani quando sarò sobrio
Mi scriverai, ti scriverò, no, mandami una foto

Eri super carina
Eri super latina
Eri superlativa
Ma ora è super mattina
E sto peggio di prima
Tu sei ancora carina
Con gli occhi struccati
Mi guardi e mi dici: Piacere Martina

Fuori fa un caldo bestiale
Non ho voglia di fare nient'altro che uscire ed andare a mangiare
Tu non restarci male se non sono speciale
Ma ho soltanto il bisogno di stare da solo a guardare un po' il mare
(E tu)

Non mi importa se mi lasci solo
Ti rincorro per le strade, vado al manicomio
Poi domani quando sarò sobrio
Mi scriverai, ti scriverò
No, mandami una foto
Mandami una foto

Eri più bella di me
Avevi più anni di me
Sapevi già tutto da quando t'ho visto
T'ho chiesto: Com'è?
E non sono il primo
Ma ancora ci rido
Io ti ho dato tutto, tu mi hai dato un morso
Sapeva di vino

Eri più bella di me
Avevi più anni di me
Sapevi già tutto da quando t'ho visto
T'ho chiesto: Com'è?
E non sono il primo
Ma ancora ci rido
Io ti ho dato tutto, tu mi hai dato un morso
Sapeva di vino

Non mi importa se mi lasci solo
Ti rincorro per le strade, vado al manicomio
Poi domani quando sarò sobrio
Mi scriverai, ti scriverò
No, mandami una foto
Mandami una foto

Non mi importa se mi lasci solo
Ti rincorro per le strade, vado al manicomio
Poi domani quando sarò sobrio
Mi scriverai, ti scriverò
No, mandami una foto

Super Matina (feat Gazzele)

Eu não me importo se você me deixar sozinho
Eu te persigo nas ruas, eu vou ao asilo
Então amanhã quando eu estiver sóbrio
Você vai escrever para mim, eu vou escrever para você, não, me mande uma foto

Você era super fofo
Você era super latina
Você foi superlativo
Mas agora é super manhã
E eu sou pior que antes
Você ainda é bonita
Com maquiagem olhos
Você olha para mim e me diz: Prazer Martina

Lá fora é um calor bestial
Eu não quero fazer nada além de sair e comer
Você não se machuca se eu não sou especial
Mas eu só preciso ficar sozinha e olhar o mar um pouquinho
(E voce)

Eu não me importo se você me deixar sozinho
Eu te persigo nas ruas, eu vou ao asilo
Então amanhã quando eu estiver sóbrio
Você vai escrever para mim, eu vou escrever para você
Não, me mande uma foto
Envie-me uma foto

Você era mais bonita que eu
Você teve mais anos de mim
Você já sabia de tudo desde que te vi
Eu perguntei a você: como é?
E eu não sou o primeiro
Mas eu ainda rio
Eu te dei tudo, você me deu uma mordida
Ele sabia do vinho

Você era mais bonita que eu
Você teve mais anos de mim
Você já sabia de tudo desde que te vi
Eu perguntei a você: como é?
E eu não sou o primeiro
Mas eu ainda rio
Eu te dei tudo, você me deu uma mordida
Ele sabia do vinho

Eu não me importo se você me deixar sozinho
Eu te persigo nas ruas, eu vou ao asilo
Então amanhã quando eu estiver sóbrio
Você vai escrever para mim, eu vou escrever para você
Não, me mande uma foto
Envie-me uma foto

Eu não me importo se você me deixar sozinho
Eu te persigo nas ruas, eu vou ao asilo
Então amanhã quando eu estiver sóbrio
Você vai escrever para mim, eu vou escrever para você
Não, me mande uma foto

Enviada por Marcelo. Legendado por Liliane. Revisão por Marcelo.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Lorenzo Fragola

Ver todas as músicas de Lorenzo Fragola