Maxixe da vizinha

Lia de Itamaracá

Não posso sair de casa que a vizinha vai perguntar
Pra onde foi que foi lia, será que lia foi trabalhar?
Que o homem tem ciúme e comigo quer brigar
Eu acho que é a vizinha que tá querendo me separar

Vai tomando conta da tua vida (vizinha, vizinha)
Trata de você e me deixa em paz (vizinha, vizinha)
Vai tomando conta da tua vida (vizinha, vizinha)
Porque desse jeito eu não aguento mais!

Não posso sair de casa que a vizinha vai perguntar
Pra onde foi que foi lia, será que lia foi trabalhar?
Que o homem tem ciúme e comigo quer brigar
Eu acho que é a vizinha que tá querendo me separar

Vai tomando conta da tua vida (vizinha, vizinha)
Trata de você e me deixa em paz (vizinha, vizinha)
Vai tomando conta da tua vida (vizinha, vizinha)
Porque desse jeito eu não aguento mais!

Não posso sair de casa que a vizinha vai perguntar
Pra onde foi que foi lia, será que lia foi trabalhar?
Que o homem tem ciúme e comigo quer brigar
Eu acho que é a vizinha que tá querendo me separar

Vai tomando conta da tua vida (vizinha, vizinha)
Trata de você e me deixa em paz (vizinha, vizinha)
Vai tomando conta da tua vida (vizinha, vizinha)
Porque desse jeito eu não aguento mais!

Ô vizinha, procure um livro pra ler, mulher
Tanta coisa pra fazer na tua casa
Deixa a vida dos outros
Me deixa em paz, mulher!
Misericórdia! Que vida triste essa tua, hein?


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Lia de Itamaracá

Ver todas as músicas de Lia de Itamaracá