ANTISSOCIAL (part. Tonioli)

LetoDie

[Leto]
Caminhando sozinho sem pensar no final
Eu tô lutando contra todo esse inferno astral
Já sei que querem me ver de réu nesse tribunal
Pois se eu vencer vão dizer que foi acidental

Tô ignorando tudo isso, eu tô em outro grau
Cês se contentam com metade, isso é usual
Sempre me doo por inteiro, nada parcial
Oito ou oitenta, o meu caminho é na vertical

Se for morrer vai ser lutando, na guerra é normal
Então não se atreva em chorar no meu funeral
Porque eu não sonho com tempo de vida adicional
Eu quero a glória pra viver uma história real

Conheço a dor, eu a senti e sei que é infernal
E que talvez a única cura é amor fraternal
Sentimentos se misturam, é uma espiral
Involução que leva diretamente ao Umbral

Lutando pra ser alguém melhor, esforço colossal
Dar mais perdão, ser um cara leal
Mas eu me perco nas ações, mano é tão banal
Quando me perco quem me controla é o meu lado mau

Ying yang, vivo pique uma guerra mental
Se fizesse o que penso zerava o código penal
Mas eu não quero ser mais um, a grade é mortal
Eu vou voar e brigar como um cardeal

Vi que o que tem valor não é material
Eu tô tentando curar meu lado espiritual
Tendo mais calma pra agir de modo racional
Sei que arrependimento é um veneno letal

Yeah, então me deixe lutar
Nunca pedi pra ninguém lutar por mim
Yeah então me deixe sonhar
Eu decidi que tudo vai ser assim
Pois no final o que importa foi o que aprendi
Suor e sangue, eu sei quantos amigos já perdi
Vou me orgulhar de lembrar que sozinho venci
Me chame de antissocial, bro

[Tonioli]
Isso aqui não é pra ser hit
É só mais um desabafo
É que despejar nas linhas faz ficar tudo mais fácil
Eu dei tudo de mim, mano, dobrei a aposta
Fiz mais de 2 milhão pra ver que grana não é a resposta

A vida e seus caminhos me fizeram um homem frio
De que adianta o bolso cheio se meu peito tá vazio?
Me perdoa Davi, se o papai nunca sorri
Por você não desisti, é por você que eu tô aqui

Caminhando solitário, tipo um lobo de marfim
Rota que escolhi pra mim
Sigo assim até o fim
Me chamaram de irmão mas tavam no estilo Caim
Ainda bem que eu não caí. Ainda bem que eu não caí

Meu grande combustível sempre foi minha ambição
Sem sangrar, sem dormir, tava focado na missão
Situações impossíveis, tiveram soluções incríveis
Porque eu sou como um tubarão minhas lágrimas são invisíveis

Calejei minha mente através do desconforto
Se eu num tiver sentindo dor, eu vou estar me sentindo morto
Essa é minha conduta, meu código de vida
Be more saiu das redes veio parar nas batidas

Pássaro azul colado em meu peito tem uma história de drama pra contar
Mas não tem jeito eu afogo ele em uísque e jamais permito ele voar
Mais um trago, mais um gole mano, mais uma noite em claro
O preço pago pelo respeito aqui é sempre muito caro

Mais copão de Jack
Me comparo a Hamlet
Ser ou não ser?
Permanecer ou padecer

Minha cabeça vai explodir, vão recolher retalhos
Como confiar em alguém, mano se eu mesmo falho?
Quando o clima esquenta
Meu coração esfria

Tô mais recluso e antissocial
Dia após dia
Será que é sina ou bênção
Viver e morrer sozinho?
Não tenho a resposta mas descubro pelo caminho

Então me deixe lutar
Nunca pedi pra ninguém lutar por mim
Então me deixe sonhar
Eu decidi que tudo vai ser assim
Pois no final o que importa foi o que aprendi
Suor e sangue, eu sei quantos amigos já perdi
Vou me orgulhar de lembrar que sozinho venci
Me chame de antissocial, bro

Composição: LetoDie / Tonioli / Felipe Menegoni
Enviada por Bernardo. Revisão por Allan.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de LetoDie

Ver todas as músicas de LetoDie