Tudo Que Me Faz Falta, Nada Que Me Sobra

Lenine

Tenho tudo que me falta
Dentro da minha cabeça
Tenho a montanha mais alta
Onde o teu amor me esqueça
Tenho a linha do horizonte
Costurando os meus desvios
Sentimento eu tenho um monte
Dentro do peito vazio
Tenho saudade depois
Dentro do peito vazio
Que o vento levou nós dois
Na hora em que o céu se abriu

Tenho nada que me sobra
Por fora da minha alma
A cabeça é quem me cobra
É quem traça a via calma
Tenho nada além de mim
Meus desejos viram anseios
E a certeza que este fim
Justificará os meios
O início virá depois
Pra justificar os meios
Seremos sempre nós dois
Pelos céus em devaneios


Posts relacionados

Ver mais no Blog