Natureza

Leci Brandão

Ê natureza, ê natureza
Ê natureza é tão bom
Cheiro verde
Flauta de pau, violão
Natureza, serra, serrado, usina
Cheiro verde, cheiro de mato fascina
Natureza

Era uma tarde na roça
Presença de gente tão pura
E o sussurro do rio
E a mágica da erva que cura
E havia um alambique
E o pique de saber beber
Delícia de água ardente
Pimenta gostosa de arder

Ê natureza
Ê natureza é tão bom
Cheiro verde
Flauta de pau, violão
Natureza, serra, serrado, usina
Cheiro verde, cheiro de mato fascina
Natureza

Uma comida cheirosa
Servida no toque do sino
E aquele céu cor de rosa
Que iluminava o menino
Eu quero essa poeira
Limpando meu corpo feliz
E descansar na esteira
Tomando meu chá de raiz

Ê natureza
Ê natureza é tão bom
Cheiro verde
Flauta de pau, violão
Natureza, serra, serrado, usina
Cheiro verde, cheiro de mato fascina
Natureza

Era uma tarde na roça
Presença de gente tão pura
E o sussurro do rio
E a mágica da erva que cura
E havia um alambique
E o pique de saber beber
Delícia de água ardente
Pimenta gostosa de arder

Ê natureza
Ê natureza é tão bom
Cheiro verde
Flauta de pau, violão
Natureza, serra, serrado, usina
Cheiro verde, cheiro de mato fascina
Natureza

Composição: Leci Brandão / Rosinha de Valença
Enviada por Maria. Legendado por Maria.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog