Oú Va Le Monde

La Femme

Original Tradução Original e tradução
Oú Va Le Monde

Mais où va le monde?
Pourquoi des fois je me demande si les filles et les garçons si cruels
Où sont mes vrais amis?
Pourquoi je me méfie?
Qu'a-t-on pu bien faire de tous ces sacrifices?
Oui, personne n'est fidèle, mais pourtant
La vie doit rester toujours belle
Et peu importe si l'Homme reste si cruel avec ceux qu'il aime
Il faut sans doute pardonner et mettre son égo de côté
Pourquoi tout le monde se ment et se trompe
Jusqu'à se trainer dans la misère la plus totale?
Donnez ma confiance et mon cœur
Pourquoi ça me fait si peur?
Est-ce bien normal
Non, ce n'est pas normal?

Et moi
Je ne veux plus être la bonne poire
Je ne veux plus gâcher ma vie avec des histoires
Qui finissent toujours en larmes ou en cauchemar
Je ne veux plus broyer du noir

Je n'ai plus d'estime pour moi
Je n'ai plus d'estime pour toi
Tant pis pour ça
Tant pis pour ça
Je continue mon chemin
Tu es déjà très, très loin
Très loin derrière moi
Très loin derrière moi
Oui, c'était une belle histoire
Pour finalement taire mon regard foudroyé, sans me retourner
Je pars comme je suis venu, encore plus déçu

Et le pire dans tout ça c'est que je reste un inconnu pour toi
Par pitié, arrêtez de me planter des couteaux dans le dos
Ou mon corps va finir par devenir un filet de cicatrices
Qui ne retiendra en moi, que les mauvais côtés de toi
Désormais, je n'en peux plus
Je veux partir très, très loin
Je pleure et je renifle
C'est la larme de trop qui fait déborder mes yeux et m'a rendu malheureux
Mais où va le monde?
Où va le monde?

Mais où va le monde?
Pourquoi chaque fois que je veux bien faire
Les choses virent toujours de travers
Pourquoi les gens se mentent?
Pourquoi les gens se trompent?
Est-ce que toi aussi, des fois
Tu te demandes pourquoi la vie est si compliquée
Surtout quand deux personnes s'aiment et qu'ils
Semblent être bien ensemble, ça parait si facile
Alors, comment ça se fait qu'à chaque fois, ça finit en pleurs
Je n'en peux plus des histoires futiles
Je n'en peux plus de tout ces bourreaux
Et de toutes ces victimes
L'homme se contredit à longueur de journée
Il ne sait pas ce qu'il veut et c'est pour ça qu'on se fait du mal
Est-ce bien normal?
Il y a des questions ou je sais que je ne trouverai jamais la réponse
Il y a des choses auxquelles on ne peut rien faire
Il faut sans doute s'en moquer et passer à travers

Mais moi
Je ne serai plus là bonne poire
Je ne veux plus gâcher ma vie avec des histoires
Qui finissent toujours en drames ou en cauchemars
Je ne veux plus broyer du noir

Onde Vai o Mundo

Mas pra onde vai o mundo?
Por que quando eu pergunto as garotas e os garotos são tão cruéis
Onde estão meus amigos de verdade?
Por que eu desconfio?
O que a gente pôde tirar de todos esses sacrifícios?
Sim, ninguém é fiel, mas mesmo assim
A vida deve ficar sempre bela
E pouco importa se o ser humano continua tão cruel com aqueles que ele ama
É necessário, sem dúvidas, perdoar, colocar seu ego de lado
Por que todo mundo se engana e mente pra si mesmo
Até se arrastar dentro da miséria completa?
Dar minha confiança e o meu coração
Por que isso me dá tanto medo?
Isso é normal?
Não, isso não é normal

E eu
Não quero mais ser a otária
Não quero mais arruinar a minha vida com histórias
Que terminam sempre em lágrimas ou em pesadelos
Não quero mais ter pensamentos sombrios

Não tenho mais apreço por mim
Não tenho mais apreço por você
Mas que pena
Mas que pena
Eu continuo o meu caminho
Você já está longe, muito longe
Muito longe atrás de mim
Muito longe atrás de mim
Sim, essa foi uma bela história
Para finalmente calar meu olhar fulminante, sem olhar pra trás
Eu parto como eu vim, ainda mais decepcionado

E o pior disso tudo é que eu continuo desconhecido por você
Por favor, pare de enfiar facas nas minhas costas
Ou o meu corpo vai acabar se tornando uma rede de cicatrizes
Que me lembrarão apenas do lado ruim de você
De agora em diante não posso mais
Quero ir para longe, muito longe
Eu choro e assoo o nariz
É a lágrima que de tanto transbordar dos meus olhos me deixou triste
Mas pra onde vai o mundo?
Pra onde vai o mundo?

Mas pra onde vai o mundo?
Por que toda vez que eu quero fazer bem feito
As coisas entortam
Por que as pessoas mentem para si mesmas?
Por que as pessoas se enganam?
Você também, às vezes
Se pergunta porque a vida é tão complicada
Sobretudo quando duas pessoas se amam e
Aparentem estar bem juntas, isso parece tão fácil
Então como é que toda vez isso acaba em lágrimas
Não aguento mais histórias fúteis
Não aguento mais todos esses carrascos
E todas essas vítimas
O homem se contradiz ao longo do dia
Ele não sabe o que ele quer e é por isso que a gente se machuca
Isso é normal?
Têm perguntas que eu sei que não encontrarei jamais as respostas
Têm coisas pelas quais não podemos fazer nada
Temos, sem dúvidas, que tirar sarro e superá-las

Mas eu
Não serei mais a otária
Não quero mais arruinar minha vida com histórias
Que terminam sempre em drama ou em pesadelos
Não quero mais ter pensamentos sombrios

Enviada por Ítalo e traduzida por Lucas. Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de La Femme

Ver todas as músicas de La Femme