Chamarrita Del Chamán

La Chicana

Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

Chamarrita Del Chamán

El viento ensaya tambores, un borracho un sapucay.
Una vieja danza su danza ritual.
El dolor y el miedo que lejos están,
Habría que organizarse para que no vuelvan más.
Y que no se caiga nunca la mentira del chamán.

El cielo superpoblado nos mira dudar,
Hoy es el remate de la humanidad.
Y distintos dioses nos quieren comprar,
Habría que camuflarse, que no nos espíen más.
Para que ya no haga falta la mentira del chamán.

El sabio de la montaña, un testigo de jehová,
Hare krishnas bailan con monjas el vals.
Y en el entretiempo se van a cambiar
Los hábitos entre ellos para confundirme más.
Y para que no me crea la mentira del chamán.

La lista de mis pecados no la pienso confesar.
Cuando me interroguen sólo sacarán
Que nací en un bondi rumbo a catedral,
Un pibe me cortó el cable con la tijera escolar,
Y el fercho me bautizaba con su whisky nacional...

Del Chaman Chamarrita

Vento testado tambores, um bêbado um sapucay.
Uma dança velho ritual de dança.
A dor eo medo que estão longe
Deve ser organizado de modo que não mais voltar.
E não Lie xamã nunca cair.

A aparência do céu nos superpovoado dúvida,
Hoje é o pontapé da humanidade.
E diferentes deuses querem que a gente compra,
Deve ser camuflado, não nos espionando.
Para não precisar mais a mentira do xamã.

Sage Mountain, Testemunha de Jeová, A,
Hare Krishnas dançar a valsa com freiras.
E nesse meio tempo eles vão mudar
Hábitos entre eles para me confundir mais.
E eu não acredito que a mentira do xamã.

A lista de meus pecados não acho que confessar.
Quando eu questionei apenas de saída são
Eu nasci em um bondi para catedral
Um garoto me levou a cabo com uma tesoura escolar
E fercho me batizou com o seu uísque nacional ...


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de La Chicana

Ver todas as músicas de La Chicana