Retalhos

Kayuá

Não dá
Não dá
Não dá
Não dá

Óh! Ei!

Se estamos aos retalhos; costure, costure
Já nem sei, se somos vontade ou costume, costume
Se estamos aos retalhos; costure, costure
Já nem sei se somos vontade ou costume

Vira, qualquer coisa vira briga
Diz que não vê futuro sem mim
Eu que não vejo futuro assim

Vida, se quiser ligar me liga
Diga que o fim de nós dois
Não é a única saída

Se estamos aos retalhos; costure
Já nem sei, se somos vontade ou costume, costume, costume

Fazendo a vida dos outros de júri
Se a mudança for da boca pra fora então não jure, não!

Fiz mais do que pude, diz pra pensar no que foi e ficar
Por mais que o agora mostre que não valha
Sempre usar os berros
Você dando ouvido ao sussurro das falhas
Somos lembrança do que fomos
Não vejo porque arriscar o que pode ser
Maturidade que não vinha
Sua felicidade a frente da minha
Deu valor ao que falta e perdeu o que tinha

Se estamos aos retalhos; costure
Já nem sei, se somos vontade ou costume, costume, costume
Se estamos aos retalhos; costure, costure
Já nem sei, se somos vontade ou costume

Vira briga
Diz que não vê futuro sem mim
Eu que não vejo futuro assim
Vida liga

Se estamos aos retalhos; costure, costure, costure

Composição: Kayuá
Enviada por NatanLP.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog