Im Schneckenhaus

Joris

Original Tradução Original e tradução
Im Schneckenhaus

Ich hab kein Mitleid für mich selbst, viel zu selten für dich
Die letzte Brücke gesprengt, die letzte Grenze in Sicht
Zwischen Hunderten von Leuten, fühl mich trotzdem allein
Steh in unsichtbaren Mauern, zwar geborgen, doch klein, bin verloren im Sein

Vor fünf Minuten gekommen, fühl ich mich eigentlich nach gehen
Den blöden Job nicht bekommen, doch eigentlich wollt ich nur den
Vermiss im Winter die Wärme und im Sommer den Schnee
Fällt mir fast nicht mehr auf, wenn ich im Sonnenschein geh, im Sonnenschein steh

Wenn der Himmel bricht, mir so vieles verspricht
Kommt der Zweifel in mir, ich hab's erlebt, ich war schon hier
Und wenn's am schönsten ist, ich nichts mehr vermiss, dann nehm ich Reißaus und reiß aus

Ich bin viel zu träge, trotzdem lauf ich zu schnell
Bin im Tag reichlich dunkel, in der Nacht viel zu hell
Ich hab noch so viel zu sagen, indes find ich kein Wort
Will doch nur noch nach Hause und es trägt mich weit fort, nur weiter hinfort

Wenn der Himmel bricht, mir so vieles verspricht
Kommt der Zweifel in mir, ich hab's erlebt, ich war schon hier
Und wenn's am schönsten ist, ich nichts mehr vermiss, dann nehm ich Reißaus und reiß aus

Em Uma Concha de Caracol

Eu não tenho nenhuma piedade por mim mesmo, e muito raramente para você
A última ponte explodida, a última fronteira à vista
Entre centenas de pessoas ainda me sinto tão sozinho
De pé em paredes invisíveis, embora seguro, mas pequeno, eu estou perdido em meu ser

Cheguei a cinco minutos atrás, e já me sinto realmente indo embora
Não consegui aquele trabalho estúpido, mas eu realmente o queria
Sinto falta do calor no inverno e no verão da neve
Não sinto mais nada quando vou para a luz do Sol, quando estou de pé na luz do Sol

Quando céu quebra, ele me promete muito
Vem a dúvida a mim: Eu já vivi isso uma vez, eu já estive aqui
E então quando tudo volta ao normal, eu não sinto mais falta de nada, então eu recolho minha cauda e fujo

Eu sou muito preguiçoso, mas eu corro muito rápido
Eu sou dia muito escuro, mas brilho à noite
Eu ainda tenho muito a dizer, no entanto, eu não encontro nenhuma palavra
Queria só ir pra casa, mas as coisas me levam pra longe, cada vez mais longe

Quando céu quebra, ele me promete muito
Vem a dúvida a mim: Eu já vivi isso uma vez, eu já estive aqui
E então quando tudo volta ao normal, eu não sinto mais falta de nada, então eu recolho minha cauda e fujo

Enviada por Paula e traduzida por Walisson. Revisão por Adry.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Joris

Ver todas as músicas de Joris