Salvapantallas

Jorge Drexler

Original Tradução Original e tradução
Salvapantallas

Tengo tu voz,
tengo tu tos,
oigo tu canto en el mío.

Rumbos paralelos,
dos anzuelos
en un mismo río.

Vamos al mar,
vamos a dar
cuerda a antiguas vitrolas.

Vamos pedaleando
contra el viento,
detrás de las olas.

Tengo una canción
para mostrarte,
talvez cuando vaya….

Tengo tu sonrisa
en un rincón
de mi salvapantallas.

Años atrás
de pronto la casa
se llenó de canciones.

Músicas y versos
que brotaban
desde tantos rincones.

Vamos al mar,
vamos a dar
guerra con cuatro guitarras.

Vamos pedaleando
contra el tiempo,
soltando amarras.

Brindo por las veces
que perdimos
las mismas batallas.

Tengo tu sonrisa
en un rincón
de mi salvapantallas.

Protetor de Tela

Tenho tua voz
Tenho tua tosse,
Ouço teu canto no meu.

Rumos paralelos,
Dois anzóis
Em um mesmo rio.

Vamos ao mar,
Vamos dar
Corda a antigas vitrolas

Vamos pedalando
Contra o vento,
Atrás das ondas.

Tenho uma canção
Para te mostrar,
Talvez quando vá...

Tenho o teu sorriso
Em um canto
Do meu protetor de tela.

Anos atrás,
De repente a casa
Se encheu de canções.

Músicas e versos
Que brotavam
De muitos cantos.

Vamos ao mar,
Vamos dar
Guerra com quatro violões.

Vamos pedalando
Contra o tempo
Soltando amarras.

Brindo pelas vezes
Que perdemos
As mesmas batalhas.

Eu tenho o teu sorriso
Em um canto
Do meu protetor de tela.

Composição: Jorge Drexler
Enviada por Eliane e traduzida por Rafael.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog