Original Tradução Original e tradução
BLOODY STREAM

shijima no soko kara
mezameru sono hashira-tachi toki wo koe
shinku no chishio ga
tachiagaru yuuki wo hikiawaseru

uketsugu ai wo
sadame to yobu nara
hohoemu me de tsugi no te wo

yami wo azamuite setsuna wo kawashite
yaiba surinuke yatsura no suki wo tsuke
tsuranuita omoi ga mirai wo hiraku

Like a bloody storm
atsuku like a bloody stone
ketsumyaku ni kizamareta innen ni
ukiagaru kienai hokori no kizuna
nigirishimete

minagiru chikara ni
uchitsukeru kodou wa akashi tomo no koe
nijinda itami to
ima ikinuku imi wo kawashi nagara

omae no ishi ga
yoake wo michibiku
mabayui hodo no kedakasa de

hikari sasu oka e shakunetsu no sora e
tamashii ga butsukariau tabiji e
kanashimi ni nurareta mirai wo sukue

Like a bloody soul
moyase like a bloody star
honoo saki kaze wo tachi sono saki e
osorezu ni nani mo tamerawazu susume
nagare no naka

kyoumeisuru
un’mei no hamon
kokoro ni

yami wo azamuite setsuna wo kawashite
yaiba surinuke yatsura no suki wo tsuke
tsuranuita omoi ga mirai wo hiraku

Like a bloody storm
atsuku like a bloody stone
ketsumyaku ni kizamareta innen ni
ukiagaru kienai hokori no kizuna
nigirishimete

FLUXO SANGRENTO

Das profundezas do silêncio
Eles acordam, então, naqueles pilares antigos
Sangue vermelho-vivo
Lhes dão a coragem para levantarem

Herda o amor
Se o destino chamar
De mãos abertas e olhos sorridentes, o performará

Engana a escuridão e a faz duvidar por um instante
Desvia das pontas de facas e ataca o seu inimigo no ponto fraco
Pensamentos persistentes apontam o futuro

Como uma tempestade sangrenta
Quente como uma pedra sangrenta
O destino é cravado em sua linhagem sanguínea
Laços de triunfos que nunca somem
Bem apertados

O seu poder cresce quando
O testemunho da voz de um amigo se torna seus batimentos
Se a dor embaçar
Ele, então, ressignificará o significado de sobrevivência

Essa vontade dele
Guiará o amanhecer
Nobremente, elevará o seu espírito

Iluminará as colinas, escandecerá os céus
Terá uma jornada de colisão de almas
Salvará um futuro tristemente pintado

Como uma alma sangrenta
Ardendo como uma estrela sangrenta
Cortará a chama que consome o vento e irá além
Sem hesitar, ele não tem medo de prosseguir
Seguirá seu fluxo

Ressonam
Ondulações do destino
No coração

Engana a escuridão e a faz duvidar por um instante
Desvia das pontas de facas e ataca o seu inimigo no ponto fraco
Pensamentos persistentes apontam o futuro

Como uma tempestade sangrenta
Quente como uma pedra sangrenta
O destino é cravado em sua linhagem sanguínea
Laços de triunfos que nunca somem
Bem apertados

Composição: Saori Codama / Toshiyuki Omori
Enviada por Rafael e traduzida por Eduardo. Legendado por Weber e mais 4 pessoas. Revisões por 9 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog