Manéra (part. Wilson Simoninha)

João Sabiá

Abriu o olho calçou a havaiana
Passou um café e partiu a praiana
Chegando lá queijo coalho na brasa
Cerveja gelada e até um chapéu

Mais um adendo que a moça coloca
Na conta do coronel

O bronzeado sempre caprichado
Vestido de renda e o pelo dourado
No fim de tarde almoço arregado
Salão de beleza e até um anel

Mais um adendo que a moça coloca
Na conta do coronel

Te segura, neguinho tá na tua captura
Tu vai pagar a conta dessa fartura
Eu só te digo uma coisa a essa altura

Te segura, o coronel faz tipo linha dura
Não adianta mexer com a cintura
Eu só te digo uma coisa a essa altura

Manéra, manéra, manéra nega


Posts relacionados

Ver mais no Blog