Baby Birch

Joanna Newsom

Original Tradução Original e tradução
Baby Birch

This is the song for Baby Birch.
I will never know you.
And at the back of what we've done,
there is that knowledge of you.

I wish we could take every path.
I could spend a hundred years
adoring you.
Yes, I wish we could take every path,
because I hated to close
the door on you.

Do you remember staring,
up at the stars,
so far away in their bulletproof cars?
We heard the rushing, slow intake
of the dark, dark water,
and the engine breaks,
and I said,

How about them engine breaks?
And, if I should die before I wake,
will you keep an eye on Baby Birch?
Because I'd hate to see her
make the same mistakes.

When it was dark,
I called and you came.
When it was dark, I saw shapes.
When I see stars, I feel, in your hand,
and I see stars,
and I reel, again.

Well mercy me. I'll be goddamned.
It's been a long, long time
since I last saw you.
And I have never known the plan.
It's been a long, long time.
How are you?
Your eyes are green. Your hair is gold.
Your hair is black. Your eyes are blue.
I closed the ranks, and I doubled back--
but, you know, I hated to close
the door on you.

We take a walk along the dirty lake.
Hear the goose,
cussing at me over her eggs.
You poor little cousin.
I don't want your dregs
(A little baby fussing all over my legs).

There is a blacksmith,
and there is a shepherd,
and there is a butcher-boy,
and there is a barber, who's cutting
and cutting away at my only joy.
I saw a rabbit,
as slick as a knife,
and as pale as a candlestick,
and I had thought it'd be harder to do,
but I caught her, and skinned her quick:
held her there,
kicking and mewling,
upended, unspooling, unsung and blue;
told her "wherever you go,
little runaway bunny,
I will find you."
And then she ran,
as they're liable to do.

Be at peace, baby, and begone.

Bebê Birch

Esta é a cancão do bebê Birch
Eu não nunca vou te conhecer
E por trás do que fizemos,
Há uma noção de você.

Eu queria que pudéssemos seguir cada caminho
Eu poderia passar cem anos
Te adorando.
Sim, eu queria que pudéssemos seguir cada caminho,
Porque eu odiei fechar a porta
Pra você.

Lembra-se olhando,
Para as estrelas,
Tão longe, no carro a prova de balas?
Nós ouvimos a precipitação, a tomada lenta,
Da negra, negra água,
E a locomotiva se quebra,
E eu disse,

O que aconteceria se a locomotiva quebrasse?
E, se eu morrer antes de acordar,
Você vai ficar de olho em bebê Birch?
Porque eu odiaria vê-la
Cometendo os mesmos erros.

Quando estava escuro,
Eu te chamei e você veio.
Quanto estava escuro, eu vi formas.
Quando vejo estrelas, eu me sinto, em suas mãos,
E eu vejo estrelas,
E me consterno, novamente.

Tenha piedade de mim. Eu serei amaldiçoado.
Já faz muito, muito tempo
Desde da última vez em que te vi.
E eu nunca fiquei sabendo do plano.
Faz tanto, tanto tempo.
Como você está?
Seus olhos são verdes. Seus cabelos são dourados.
Seus cabelos são pretos. Seus olhos são azuis.
Eu me aproximei, e voltei pra trás ?
Mas, você sabe, eu odeio fechar a porta
pra você.

Caminhamos em volta do lago sujo.
Ouvimos o ganso,
Me confrontando por causa dos seus ovos.
Seu pequeno primo pobre.
Eu não quero sua escória.
(um pequeno bebê angustiando-se em minhas pernas)

Há um ferreiro,
E há um pastor,
E há um garoto machão,
E há um barbeiro, que está cortando,
Cortando fora minha única jóia
Eu vi um coelho,
Esperto como uma faca
E branco como um candelabro,
E pensei que seria mais difícil de fazer,
Mas pequei-a, e esfolei-a rapidamente:
Segurei-a lá,
Chutando e gemendo,
Revirando-se, desenrolando-se, desconhecida e triste.
Disse a ela ?onde quer que vá,
Coelhinho fugitivo,
Eu te encontrarei.?
E então ela correu,
Como eles são capazes de correr.

Fique em paz, bebê, e vá embora.

Composição: Joanna Newsom
Enviada por Emanoel e traduzida por Barbara.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Joanna Newsom

Ver todas as músicas de Joanna Newsom