LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Azul

J Balvin

Azul

Le gusta salir y amanecer
Beber y enloquecerse
Y cuando el día termine
No sé si la vuelvo a ver

Yo que no traje bloqueador
Pa' tanto calor que quema

Y ese cuerpito que tú tienes
El traje de baño chiquitito te queda
Esa blanquita coge Sol
Y de una ya se pone morena

Un trago en mano, bien borracha
Todos saben que su vida es extrema
Dice que no, pero sé
Que mi flow le corre por las vena'

Y ese cuerpito que tú tienes
El traje de baño chiquitito te queda
Esa blanquita coge Sol
Y de una ya se pone morena

Un trago en mano, bien borracha
Todos saben que su vida es extrema
Dice que no, pero sé
Que mi flow le corre por las vena'

Leggo

Mami, sacúdete la arena
Con ese booty me duele que seas ajena, ey (ajena)
Se puso una de mis cadena'
Nunca le baja, siempre con la copa llena

Ella entró, saludó y en el bote se montó
Dos cachas y tosió cuando Sky se lo pasó
Me pegué, lo meneó, nunca me dijo que no
Se lució, abusó, y eso que ni se esforzó

Yo que no traje bloqueador
Pa' tanto calor que quema

Y ese cuerpito que tú tienes
El traje de baño chiquitito te queda
Esa blanquita coge Sol
Y de una ya se pone morena

Un trago en mano, bien borracha
Todos saben que su vida es extrema
Dice que no, pero sé
Que mi flow le corre por las vena' (ooh)

Con tu cuerpo sube la marea (la marea)
En traje de baño, bobo me deja
A lo Yankee, estás dura
Como Maluma, pa' que suba la temperatura

Hace calor, hace calor
Por tu cuerpo baja tu sudor
Toma aguardiente y lo pasa con ron
Si no es bikini, ropa interior

Cuando la vi, yo le dije: ¿cómo fue? (Cómo fue)
Abajo del yate fue que la pillé (la pillé)
Está loca y de todo prueba

Y ese cuerpito que tú tienes
El traje de baño chiquitito te queda
Esa blanquita coge Sol
Y de una ya se pone morena

Un trago en mano, bien borracha
Todos saben que su vida es extrema
Dice que no, pero sé
Que mi flow le corre por las vena'

Y ese cuerpito que tú tienes
El traje de baño chiquitito te queda
Esa blanquita coge Sol
Y de una ya se pone morena

Un trago en mano, bien borracha
Todos saben que su vida es extrema
Dice que no, pero sé
Que mi flow le corre por las vena'

Yeh-yeh
Yeh-yeh

Azul

Ela gosta de sair e virar a noite
Beber e ficar louca
E quando o dia termina
Não sei se voltarei a vê-la

Eu não trouxe protetor solar
Para um calor tão quente assim

E esse corpinho que você tem
O biquíni fica tão pequenininho em você
Essa branquinha toma Sol
E no mesmo instante fica morena

Uma bebida na mão, bem bêbada
Todo mundo sabe que sua vida é extrema
Ele diz que não, mas eu sei
Que o meu flow corre por suas veias

E esse corpinho que você tem
O biquíni fica tão pequenininho em você
Essa branquinha toma Sol
E no mesmo instante fica morena

Uma bebida na mão, bem bêbada
Todo mundo sabe que sua vida é extrema
Ele diz que não, mas eu sei
Que o meu flow corre por suas veias

Vamos lá

Gata, sacode a areia
Com uma bunda dessas, fico triste por você não me dar bola, ei (não me dar bola)
Ela colocou uma das minhas correntes
Ela nunca para, está sempre com o copo cheio

Ela chegou, cumprimentou e entrou na onda
Tragou duas vezes e cuspiu quando o Sky lhe passou o cigarro
Cheguei junto, ela rebolou, nunca me disse não
Ela se exibiu, abusou, e nem precisou de esforço

Eu não trouxe protetor solar
Para um calor tão quente assim

E esse corpinho que você tem
O biquíni fica tão pequenininho em você
Essa branquinha toma Sol
E no mesmo instante fica morena

Uma bebida na mão, bem bêbada
Todo mundo sabe que sua vida é extrema
Ele diz que não, mas eu sei
Que o meu flow corre por suas veias (ooh)

A maré sobe com o seu corpo (a maré)
Fico bobo quando você usa biquíni
Estilo Daddy Yankee, você arrasa
Como diria Maluma, faz a temperatura subir

Faz calor, faz calor
O suor escorre pelo seu corpo
Bebe cachaça e mistura com rum
Se não tem biquíni, vai de sutiã e calcinha

Quando a vi, disse para ela: Como foi? (Como foi?)
Eu a peguei na parte debaixo do iate (eu a peguei)
Ela está louca e experimenta de tudo

E esse corpinho que você tem
O biquíni fica tão pequenininho em você
Essa branquinha toma Sol
E no mesmo instante fica morena

Uma bebida na mão, bem bêbada
Todo mundo sabe que sua vida é extrema
Ele diz que não, mas eu sei
Que o meu flow corre por suas veias

E esse corpinho que você tem
O biquíni fica tão pequenininho em você
Essa branquinha toma Sol
E no mesmo instante fica morena

Uma bebida na mão, bem bêbada
Todo mundo sabe que sua vida é extrema
Ele diz que não, mas eu sei
Que o meu flow corre por suas veias

Iê-iê
Iê-iê

Composição: Bull Nene / J Balvin / Justin Quiles / Michael Brun / Sky Rompiendo Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Gabriel e traduzida por Taylor. Legendado por Gabriel.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de J Balvin

Ver todas as músicas de J Balvin