Amor dos amores

Ícaro e Gilmar

Não julga, não
Aquele que sai pegando uma todo dia
Não julga não
Sempre tem uma saudade por trás de um homem galinha

A partir daquele adeus
Eu blindei meu coração
Contra qualquer tipo de sentimento além do colchão
Pode vir o amor dos amores que eu vou falar não

Pegando todas sofrendo por uma
Uma monte pagando a conta que é sua
O corpo é de todas, o coração de uma
Chorando calado, mas não peço ajuda

E depois dela, quem eu magoar
Por favor, me desculpa

Composição: Bruno Cesar / Rafael Quadros / Vinni Miranda / Waléria Leão
Enviada por Marcella.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog