Bloodline Confessions

Hubris

Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

Bloodline Confessions

In a remote farm
So faraway from here
There is a well of crystal
Water so fresh and clear
Indeed are only plague and death
Wrapped in a single package
The water is becoming so red
Because my blood is running

For who wounds
For who kills
For who lives in a gothic circus

For who cries
For who bleeds
For who lives in a gothic circus

This poison is so strong to me
Expurging my putrid existence
Drain and cover my skin
This is my bloody confessions

For who wounds
For who kills
For who lives in a gothic circus

For who cries
For who bleeds
For who lives in a gothic circus

Say hello to the devil
When you hide in the shadows
Say hello to the devil
When you hide.

The birds don't fly in my flowers more
Then i remember when my mother said
"son, your friends are vultures now
Don't let the bodies in the fucking ground!

For who wounds
For who kills
For who lives in a gothic circus

For who cries
For who bleeds
For who lives in a gothic circus

Say hello to the devil
When you hide in the shadows
Say hello to the devil
And goodbye to the heaven

Confissões Bloodline

Em uma fazenda remota
Assim distante daqui
Existe um poço de cristal
Água tão fresca e clara
Na verdade só são praga e morte
Envolto em um único pacote
A água está se tornando tão vermelho
Porque o meu sangue está correndo

Para quem as feridas
Para que mata
Para quem vive em um circo gótico

Por que chora
Por que sangra
Para quem vive em um circo gótico

Este veneno é tão forte para mim
Expurging minha existência pútrido
Escorrer e cobrir minha pele
Esta é minha confissão sangrentas

Para quem as feridas
Para que mata
Para quem vive em um circo gótico

Por que chora
Por que sangra
Para quem vive em um circo gótico

Diga Olá para o diabo
Quando você se esconde nas sombras
Diga Olá para o diabo
Quando você se esconder.

As aves não voam em minhas flores mais
Então eu me lembro quando minha mãe disse
"Filho, seus amigos são abutres agora
Não deixe que os corpos no chão, porra!

Para quem as feridas
Para que mata
Para quem vive em um circo gótico

Por que chora
Por que sangra
Para quem vive em um circo gótico

Diga Olá para o diabo
Quando você se esconde nas sombras
Diga Olá para o diabo
E adeus ao céu


Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Hubris

Ver todas as músicas de Hubris